Publicidade
Publicidade
Publicidade
:
Qua
13/12/17
Araguaína

Nublado e Pancadas de Chuva

29º 22º

Estudantes ultrapassam meta de arrecadação para tratamento de cãozinho que foi encontrado doente e abandonado

09/08/2017 12h23 | Atualizado em: 09/08/2017 12h26
Texto:
Gostou?
  • (0)
  • (0)
Compartilhe:
Divulgação

A solidariedade de estudantes da faculdade ITPAC e dezenas de internautas estão mudando a vida de um filhote de cachorro que foi encontrado doente e abandonado próximo à cantina da instituição na última sexta-feira (05), em Araguaína.

Comovidas com a situação do cãozinho, a estudante de Direito Ana Luisa Barcelos e suas amigas, levaram o animal para uma clínica veterinária, onde ele foi submetido a exames que detectaram leishmaniose e outras doenças, por isso o cachorrinho precisaria fazer um tratamento e todas as despesas custariam R$ 3 mil reais.

É muito dinheiro!”, pensou a estudante Ana Luisa que decidiu não desistir de ajudar o cãozinho de pele rajada que recebeu o nome de “Capuccino”, e resolveu criar uma vakinha online para arrecadar dinheiro para bancar o tratamento do filhote.

A estudante e suas amigas procuraram o Portal O Norte pedindo ajuda para divulgar a história que ganhou repercussão após a reportagem e graças à preocupação e esforços das estudantes, várias pessoas contribuíram com a causa e assim foi possível arrecadar todo o valor necessário para salvar a vida de “Tino” como é carinhosamente chamado por Ana Luisa.

Mesmo depois que a campanha alcançou a meta, pessoas comovidas com a história ainda não pararam de contribuir. Ana Luisa contou ao site que o dinheiro extra arrecadado vai bancar exames e outras despesas com Capuccino. “Quando ele sair vai continuar precisando fazer alguns exames”, explicou.

Ana Luisa disse que está muito grata pela contribuição que Capuccino recebeu: “Graças a Deus ele vai ter um final feliz”.

Capuccino deve ficar internado por cerca de 30 dias, depois disso Ana Luisa vai decidir o destino do filhote. “Tem muita gente querendo ficar com o Tino, enquanto ele estiver nessa fase de internação a gente vai decidir o novo lar para ele”.

Nossa reportagem também conversou com Dra Cinthian Mendonça, ela trabalha na clínica veterinária ShopDog com o Dr Rony Barbosa (responsável pelo tratamento) e também acompanha o caso.

Segundo a veterinária, o cãozinho está evoluindo e respondendo bem ao tratamento: "Capuccino chegou na clínica pesando 8,850kg e agora está com 11,2kg...ele está se alimentando bem e tomando água normalmente", disse a Dra Cinthian Mendonça acrescentando: "Além da Leishmaniose, ele ainda está com Anaplasmose que é transmitida por carrapato, as duas doenças estão sendo tratadas. Também as feridas que ele tinha quando foi encontrado, estão cicatrizando devido aos cuidados que tem recebido. Capuccino é um cãozinho muito forte", disse a veterinária.

 

Acompanhe nossas atualizações em tempo real:

Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Compartilhe via E-mail
Texto:
Gostou?
  • (0)
  • (0)
Compartilhe:

“Os comentários aqui postados são de inteira responsabilidade de seus autores, não havendo nenhum vínculo de opinião com a Redação da equipe do Portal O Norte”

Publicidade

Tem uma reportagem, fotos, vídeos, histórias ou curiosidades?

Mande para nossa redação. Seja você o REPÓRTER.