Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Estado

Cliente será indenizada em R$ 10 mil por cobrança indevida da TIM

11/07/2018 09h12 | Atualizado em: 11/07/2018 09h17

Divulgação

A operadora de telefonia TIM terá que indenizar uma consumidora que teve o nome negativado indevidamente por conta de uma cobrança de R$ 29,90. De acordo com a decisão, proferida pelo juiz Jossanner Nery Nogueira Luna, além da declaração de inexistência do débito, a empresa terá que pagar ao autor da ação R$ 10 mil por danos morais.

Em atuação pela 4ª Vara Cível de Palmas, o magistrado entendeu que a empresa, ao negativar o nome da autora da ação em função de serviços não contratados, fere os princípios das relações de consumo e "o consumidor não pode ficar à mercê de situações que lhe causam a sensação de insegurança quanto ao uso de seus dados cadastrais".

Ao julgar procedente a ação, o juiz condenou a TIM ao pagamento de indenização por dano moral na quantia de R$ 10 mil. “Valor este, sobretudo para a função social da responsabilidade civil, a qual nada mais é do que evitar que novos danos sejam causados por este mesmo fato”, pontuou. A empresa ainda deve declarar a inexistência do débito e excluir os dados da autora inscritos nos órgãos de proteção ao crédito definitivamente.

Confira a sentença. (Fonte: TJTO)

Compartilhe

Os comentários aqui postados são de inteira responsabilidade de seus autores, não havendo nenhum vínculo de opinião com a Redação da equipe do Portal O Norte

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Vc é o Repórter

Tem uma reportagem, fotos, vídeos, histórias ou curiosidades?

Mande para nossa redação. Seja você o REPÓRTER.