Publicidade
Publicidade
Publicidade
:
Sáb
18/11/17
Araguaína

Pancadas de Chuva a Tarde

30º 24º

Suspeito de matar Sargento durante assalto, resiste à prisão e morre depois de trocar tiros com policiais da Força Tática

12/05/2017 23h10 | Atualizado em: 12/05/2017 23h32
Texto:
Gostou?
  • (3)
  • (1)
Compartilhe:
Portal O Norte

Um dos suspeitos de envolvimento no assalto registrado na tarde de hoje (12), que terminou com a morte do Sargento, Jandres Alves Bezerra, morreu durante uma segunda troca de tiros, dessa vez com policiais da Força Tática da Polícia Militar.

O confronto aconteceu na Rua Casimiro de Abreu do bairro JK, em Araguaína, quando o suspeito resistiu à prisão e trocou tiros com os PMs. Ele foi identificado como, Paulo Josias de Moura (32 anos), mais conhecido como “Paulinho”.

O suspeito foi localizado através do serviço de inteligência da PM que obteve a informação de que um dos autores havia sido baleado pelo Sargento Jandres durante a troca de tiros e que o mesmo teria fugido e se escondido em uma casa no Bairro JK. Além disso, a Polícia Militar informou também que o Corpo de Bombeiros teria recebido uma ligação para atender uma pessoa que estaria baleada.

Equipes da PM se deslocaram até o endereço do bairro JK, a residência foi cercada e o suspeito abriu fogo contra os policiais que revidaram a agressão, atirando contra o “Paulinho”, que morreu dentro da casa.

O Samu foi acionado para o local e constatou a morte do suspeito. Na residência foi apreendida uma arma de fogo calibre 38.

Segundo a polícia, ‘Paulinho` já cumpriu pena no presídio Barra da Grota, ele tem passagens por roubo qualificado e associação criminosa.


(Foto: Divulgação)

O assalto

Tudo começou por volta das 16 horas, com o assalto a um correspondente bancário que fica na Rua Ademar Vicente Ferreira, região Central da cidade, que teve a participação de dois criminosos. O Sargento Jandres percebeu a ação e reagiu, houve troca de tiros e o PM foi baleado e morreu no local, onde outras duas pessoas foram
vítimas de bala perdida e socorridas foram encaminhadas para o hospital.

Depois disso, policiais deram início às buscas pelos suspeitos resultando na localização, troca de tiros e morte de um deles. O comparsa envolvido no crimeainda não foi encontrado.

Acompanhe nossas atualizações em tempo real:

Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Compartilhe via E-mail
Texto:
Gostou?
  • (3)
  • (1)
Compartilhe:

“Os comentários aqui postados são de inteira responsabilidade de seus autores, não havendo nenhum vínculo de opinião com a Redação da equipe do Portal O Norte”