Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Araguaína

Alunos da rede municipal plantam mudas de árvores na Via Lago

24/04/2019 15h40 | Atualizado em: 24/04/2019 16h11

Marcos Filho Sandes/Ascom

A ação foi realizada nesta quarta-feira, 24, no canteiro central da avenida, e entre as mudas que serão plantadas no local estão 600 ornamentais e 150 nativas do Cerrado Brasileiro

O pequeno Manuel Coelho, de 10 anos, aluno da Escola Municipal João Carlos Sabino dos Santos, fez parte do primeiro plantio de mudas do Projeto de Arborização e Paisagismo do Completo de Turismo e Negócios Via Lago. “Foi uma experiência incrível”, resumiu o estudante após plantar uma muda de pau brasil na manhã desta quarta-feira, 24. “A Via Lago vai ficar mais bonita e vai melhorar a respiração. Eu e meus amigos vamos passar aqui e saber que foi a gente que plantou”, concluiu Manuel.

A ação foi realizada no canteiro central da avenida e entre as mudas que serão plantadas no local estão 600 ornamentais e 150 nativas do Cerrado Brasileiro. Entre as ornamentais estão barba de serpente, camará e moreia. Pau brasil, ipês roxo, amarelo, branco e rosa e sucupira são exemplos das espécies nativas.

Além de Manuel, fizeram parte do primeiro plantio alunos, professores e técnicos ambientais da Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente, além de representantes das secretarias da Educação e Chefia de Gabinete.

Aula de meio ambiente

Para o diretor de Agricultura da Secretaria do Meio Ambiente, Mário Augusto Vitória, ensinar as crianças a conviver com essas plantas é gerar nelas a vontade de preservar. “Elas vão levar a ideia para casa e cobrar dos familiares e amigos a manutenção do meio ambiente preservado”.

A professora do 5º ano Letícia Gonçalves avaliou a aula de campo como excelente. “É uma aula inesquecível e que dará frutos por toda a vida deles, já que passarão por aqui e verão as árvores que eles mesmos plantaram e se sentirão responsável pela preservação do lugar”.

Benefícios

O objetivo do Projeto de Arborização e Paisagismo da Via Lago é propiciar sombra, purificar o ar, atrair aves, diminuir a poluição sonora, constituir fator estético e paisagístico, diminuir o impacto das chuvas, contribuir para a melhor infiltração da água no solo, valorizar a qualidade de vida local, assim como economicamente às propriedades no entorno.

A médio prazo, o paisagismo e arborização do espaço também trarão benéficos estéticos para a região, promovendo a visitação de moradores e turistas, o contato com a natureza, estimulando o comércio local e a geração de emprego e renda.

Planejamento

O diretor municipal de Parques e Jardins, da Secretaria do Meio Ambiente, Alcy Juninho, explicou que a escolha das espécies e a forma de plantio foram planejadas. “Próximo aos calçadões serão plantadas palmeiras para não tampar a visão e, na avenida, serão árvores de porte maior”.

Os critérios para o plantio, segundo o técnico em agropecuária da Secretaria do Meio Ambiente, Luiz Carlos Cabral, também foram beleza, copa e porte. “Tivemos o cuidado para colocarmos árvores que não fiquem muito altas e também mesclamos as cores das flores em branco, amarelo, rosa e roxo”.

Próxima etapa
Após o projeto de arborização e paisagismo, o Complexo de Negócios e Turismo Via Lago receberá o Projeto Lago Vivo, com a inserção de mais de 200 mil peixes nas águas do Lago Azul.

“A nossa intenção é fazer do espaço um local de natureza, preservação e que se tornará um lugar de grande fluxo turístico da região. Em algumas semanas, iremos iniciar a próxima etapa para tornar o Lago Azul com vida, soltando várias espécies nativas de peixes”, adiantou o chefe de Gabinete, Wagner Rodrigues.

Compartilhe

Os comentários aqui postados são de inteira responsabilidade de seus autores, não havendo nenhum vínculo de opinião com a Redação da equipe do Portal O Norte

Publicidade
Publicidade

Facebook

Twitter

Vc é o Repórter

Tem uma reportagem, fotos, vídeos, histórias ou curiosidades?

Mande para nossa redação. Seja você o REPÓRTER.