Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Peça teatral leva inclusão para crianças e adolescentes com deficiência

Centenas de crianças empolgadas para mais uma sessão teatral de muita diversão. As luzes se apagam, as cortinas se abrem e os atores entram em cena. Com eles, também se posicionam o tradutor intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras) e uma intérprete para deficientes visuais. O espetáculo infantil “A Incrível Aventura de Janelinha e a Fada do Dente”, do Grupo Artpalco, está de volta para a segunda temporada de apresentações, e a novidade desta vez é a inclusão para crianças com deficiência visual e auditiva.

As apresentações são gratuitas e acontecem a partir desta terça-feira, 23, e seguem até sexta-feira, 26, com sessões às 8 horas, 9h30 e 15h30, no auditório da Fieto, em Araguaína, no Norte do Estado. A platéia é formada por caravanas de crianças e adolescentes de escolas públicas da cidade de Araguaína, e também pela comunidade em geral.

A sessão com inclusão de pessoas com deficiência visual acontece na quarta-feira, 23, às 9h30, e para as pessoas com deficiência auditiva na quinta-feira, 24, às 8 horas, 9h30 e 15h30. As apresentações especiais de inclusão são feitas a partir de traduções simultâneas das falas e informações sonoras por meio da linguagem de sinais.

Além disso, o público de tais sessões recebe uma sinopse do espetáculo feita em braile. Para o diretor do espetáculo, Luiz Navarro, a proposta é levar a arte para todos, independentemente do fato de não ver ou ouvir, mudando o sonho de quem tanto sofre preconceito, diariamente. “A gente entende que o teatro deve ter a sua função social realizada, que é permitir que todos tenham acesso a um bem cultural, no caso um espetáculo de teatro, pois o teatro tem e precisa ser democrático”, justifica o diretor.

Além dos atores, o intérprete também se prepara para ser uma dar atrações do espetáculo e transmitir as emoções do que é encenado àqueles que não escutam. Eles têm a missão de transmitir, em libras ou em uma narração auditiva, tudo o que é e, principalmente, e o que não é dito na apresentação. “Qualquer barulho, gesto ou música é literalmente contado por um locutor e a intenção é provocar no público a sensação de estar dentro da história”, adianta a atriz do espetáculo Tatiane Breve, que na peça vive a Fada do Dente.

Conforme o produtor do grupo, George Henrique Silva, o espetáculo cumpre então a Lei de Acessibilidade. “É teatro para não ser visto, ou para ser ‘visto’ de outra maneira. A imagem do que ocorre é fruto da criação interna e pessoal de cada espectador”, explica. A primeira temporada do espetáculo aconteceu no mês de setembro e também teve sessões especiais para pessoas com deficiência auditiva.

Sinopse

“A Incrível Aventura de Janelinha e a Fada do Dente” trata sobre a importância de cuidar da saúde bucal, reforçando sobre a importância de se ter bons hábitos e não descuidar da saúde bucal, além de enfatizar a necessidade de ir regularmente ao dentista. A peça de 40 minutos utiliza o universo do clown para contar a história de Janelinha, uma menina que tem um encontro inusitado com a Fada do Dente, que lhe dá a missão de convencer as crianças a cuidar dos dentes e assim destruir os agentes causadores de cárie e outras doenças.

Após a encenação, as crianças participam de um bate-papo com um dentista sobre os principais cuidados necessários para se garantir uma saúde bucal de excelência.

Cinco cantoras tocantinenses interpretam divas em espetáculo musical

Cinco cantoras tocantinenses se juntarão em um espetáculo intitulado “Show Divas” para cantar canções clássicas da MPB, rock, pop, blues, soul, country e folk interpretadas por artistas como Natalie Cole, Amy Whinehouse, Adele, Nina Simoe, Alicia Keys, Elza Soares, Elis Regina entre outras.

O show acontece na próxima quarta-feira (17), no Theatro Fernanda Montenegro em Palmas na edição da 4ª Clássica. As cantoras que se subirão ao palco são: Keila Lipe, Yane, Carol Caponi, Eduarda Ruas e Malu Zah e vão se revezar em uma hora e meia de show.

O espetáculo musical é direção de Fábio Geriz e o palco de Meire Maria Monteiro. De acordo com a organização, todas as canções serão acompanhadas por uma banda base especialmente preparada para o show, com piano baixo elétrico, guitarr, bateria, sax, tenor, trompete, trombone, violino e back vocal.

 

Programação desta quarta-feira recebe exibição das mostras Infâncias, Regional, Brasil e Tocantins.

Festival Chico dá início às Mostras Brasil e Tocantins nesta quinta

Os filmes das Mostras Brasil e Tocantins começam a ser exibidos nesta quinta-feira, 27, na 13ª edição Festival de Cinema e Vídeo do Tocantins (Chico). A programação do dia oferece um total de 20 filmes nas mais diversas categorias, gêneros e origens. Toda programação é gratuita e acontece, simultaneamente, no CineSesc e Cine Cultura.

A partir das 15h30 horas, no CineSesc, serão exibidas as produções da Mostra Regional com Canção do Amor Perfeito (PA), Voyeur (GO), Piracema (TO), O Tesouro de Cavendish (RN) e Três (DF).

No Cine Cultura, será exibida a Mostra Infância, a partir das 15 horas, com os filmes Vai que É Sua Tafarinha (AM), Xavier (SP), Cadarço (SP) e O Menino do Dente de Ouro (RN). Em seguida, haverá a Mostra Regional com Canção do Amor Perfeito (PA), Voyeur (GO), O Tesouro de Cavendish (RN) e Três (DF). A partir das 20 horas, entra em cena no Cine Cultura a Mostra Brasil e Tocantins com Demônia – Melodrama em 3 Atos (SP), Cabra Fêmea (BA), Entre Sós (RS), Lésbica (BA) e Nascida para Matar (SP), No Avesso da Noite (TO), Mulher Guerreira (TO), Menina Bonita de Tranças (TO) e Tá Longe (TO).

Festival

O Festival exibirá no total 48 filmes, com mais de 700 minutos de histórias contadas na telona, com curtas-metragens de todos os gêneros, falados ou legendados em língua portuguesa. A última vez que o festival foi realizado foi no ano de 2013. "A satisfação em retomar o Chico após cinco anos é muito grande. O setor audiovisual cresce mais a cada dia na região e no país e um projeto como o Chico deve acompanhar este crescimento", disse a diretora executiva do projeto, Juliane Almeida.

Premiações

O público vai poder votar no melhor filme da mostra nacional e da mostra tocantinense. O produtor e o realizador do filme vencedor vão receber como prêmio a participação em um festival de cinema internacional. As premiações do Festival Chico 2018 acontecem no dia 29 de setembro, na cerimônia de encerramento do Festival, e serão realizadas por Júri Técnico e Popular.

O Júri Popular, constituído pelo público espectador, escolhe o Melhor Filme em todas as mostras: Mostra Brasil, Mostra Tocantins, Mostra Infâncias e Mostra Regional. Os filmes com maior número de votos em cada exibição serão premiados com o Troféu Chico 2018. Além disso, o Júri Técnico concede o Prêmio Especial ao Melhor Filme da Mostra Tocantins, destinado ao diretor ou produtor do filme, com uma Residência Artística Internacional em festival de cinema realizado na América Latina em 2018. A empresa Mistika Post oferecerá um prêmio especial para o Melhor Diretor do Tocantins, sendo R$ 4 mil em serviços de pós-imagem.

Quarta-feira, 26:

Cine Cultura

Mostra Infâncias(70 min): Vai que É Sua Tafarinha (AM), Xavier (SP), Cadarço (SP) e O Menino do Dente de Ouro (RN)

Mostra Regional (60 min): Canção do Amor Perfeito (PA), Voyeur (GO), O Tesouro de Cavendish (RN) e Três (DF).

Mostra Brasil + Tocantins: BRASIL: Demônia – Melodrama em 3 Atos (SP), Cabra Fêmea (BA), Entre Sós (RS), Lésbica (BA) e Nascida para Matar (SP). TOCANTINS: No Avesso da Noite, Mulher Guerreira, Menina Bonita de Tranças e Tá Longe

Cine Sesc

Mostra Regional (54 min): Canção do Amor Perfeito (PA), Voyeur (GO), Piracema (TO), O Tesouro de Cavendish (RN) e Três (DF).


FICHA TÉCNICA

Realização: Ministério da Cultura do Brasil e Secretaria do Audiovisual, por meio do Fundo Nacional de Cultua

Realização e produção: Jubalina Produções

Correalização: Centro de Imagem e Som

Coprodução: Produza Studio Criativo

Comunicação: Cumbuca Criativa e A Barraca

Apoios: Prefeitura de Palmas, Fundação Cultural, Secretaria Municipal de Educação, Secretaria de Comunicação; Secretaria de Estado da Educação; Mixirica Produções; Revista de Cinema; Mistika Post; Mzn Filmes; Conexão Centro-oeste-Norte-Nordeste, Serviço Social do Comércio Tocantins E Universidade Federal do Tocantins.

ORGANIZAÇÃO

Direção executiva: Juliane Almeida

Coordenadora de Produção: Stella Antunes

Produtor Técnico: Tales Monteiro

Making of: Jeferson Nascimento

Delivery: Diego e Márcio Mazaron /MZN Filmes

Coordenadoras de Comunicação: Fernanda Veloso e Thuanny Vieira

Assessora de comunicação: Cinthia Abreu

Designer: Emanuella Reis

Fotógrafo: Nielcem Fernandes

Redes Sociais: Marina Bitar

Web programador: Roberto Pires

Voluntários de Comunicação e Produção: Aline Diniz de Oliveira, Marina Andressa de Sousa, Nilsson Rodrigues Neres Junior, Paula Suzane Costa Ferreira

Produção de Residência Internacional: Thuanny Vieira

Consultoria de Residência Internacional: Denise Jancar

Produção de Itinerância: Silvana Barbara e Stella Antunes

Curadoria Mostras Brasil e Tocantins: Edu Fernandes e Juliane Almeida

Curadoria Mostra Infâncias: Edu Fernandes e Juliane Almeida

Curadoria Mostra Regional: Edu Fernandes, Juliane Almeida e Marcelo Ikeda

Júri Técnico Chico 2018: Denise Jancar, Marcelo Ikeda e Sérgio Soares

Design e confecção Troféus Chico 2018: Elpidio de Paula

Confecção auxliar: Leromanual

Agência de viagens: WA viagens e turismo

Restaurante: Raízes Gastronômicas

Produtoras Parceiras: Fluxo Criativo; Viuller Murtiartista, BR 153 filmes

Artpalco oferece ingressos gratuitos para seu novo espetáculo

O mais novo espetáculo de teatro infantil do grupo Artpalco, “A Incrível Aventura de Janelinha e a Fada do Dente”, entra em cartaz no Anfiteatro do Senai (Fieto) em Araguaína, no Norte do Estado, de 25 a 28 de setembro e, posteriormente, de 23 a 26 de outubro.

O objetivo é que mais de 5 mil crianças sejam beneficiadas com o espetáculo, sendo 3 mil crianças de escolas públicas da cidade e 2 mil ingressos com distribuição gratuita. A temporada é fruto da segunda edição do projeto “A Escola Vai ao Teatro”, aprovado pela Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura (Lei Rouanet), com patrocínio das Lojas Nosso Lar e Novo Rio Veículos.

Nesta primeira etapa, para as apresentações de 25 a 28 de setembro, o grupo distribui 1 mil ingressos. Eles serão distribuídos exclusivamente até a próxima sábado, 22, e podem ser retirados em horário comercial, nas Lojas Nossa Lar de Araguaína.

Espetáculo

 “A Incrível Aventura de Janelinha e a Fada do Dente” trata sobre a importância de cuidar da saúde bucal. Conforme a atriz e produtora executiva do Artpalco, Tatiane Breve, a peça foca não somente o entretenimento, mas principalmente a educação, reforçando sobre a importância de se ter bons hábitos e não descuidar da saúde bucal, além de enfatizar a necessidade de ir regularmente ao dentista.

Com texto e direção do artista pernambucano Luiz Navarro, a peça de 40 minutos utiliza o universo do clown para contar a história de Janelinha, uma menina que tem um encontro inusitado com a Fada do Dente, que lhe dá a missão de convencer as crianças a cuidar dos dentes e assim destruir os agentes causadores de cárie e outras doenças. “O espetáculo utilizará elementos da cultura popular, criando uma ponte direta entre o palco e a plateia, onde o espectador possa fazer uma reflexão e levar essa discussão para a escola e comunidade em geral”, adianta o diretor.

Trilha Sonora

A trilha sonora é assinada pelos músicos Nice Albano e Zé Caetano, de Recife (PE). Segundo Nice Albano, todas as canções foram especialmente compostas para o espetáculo. “Todas as canções são inéditas e a gente tentou trabalhar em cima da prevenção das cáries e dessa lenda maravilhosa que é a Fada do Dente. A gente contextualizou também o tema do bullying, reforçando que todas as crianças perdem o dente, lembrando o chamado ‘janelinha’ e colocamos isso nas canções de forma bem suave”, explicou a artista.

Segundo Nice Albano, as canções trazem ritmos tipicamente brasileiros, como a ciranda do Nordeste e o repente. “São músicas bem alegres, foi um trabalho muito divertido para gente que compôs as canções, mas que certamente vai refletir também na recepção do público. Espero que gostem”, almeja Nice.

 Saúde

Após a encenação, as crianças participam de um bate-papo com um dentista sobre os principais cuidados necessários para se garantir uma saúde bucal de excelência. Responsável pelas palestras do projeto, o dentista Alyson Lira considera que o teatro exerce um papel fundamental no processo de fixação das informações para o público infantil. “Vamos utilizar elementos do próprio espetáculo, como os personagens para falar sobre a importância da higiene oral, que implica em mudança de hábitos inclusive em casa”, explica. Após cada espetáculo, o grupo distribuirá ao público kits de higiene bucal.

Artpalco

Diversas produções do grupo já garantiram pelo Brasil afora recordes de público e bilheteria, além de premiações em importantes mostras e festivais, como o Festival Nacional de Teatro de Guaçuí, Festival Nacional de Lauro de Freitas (FIT Bahia), Sesc Aldeia Jiquitaia, dentre outros. Atualmente, o currículo do grupo conta com mais de 20 montagens, que já levaram mais de 100 mil espectadores ao teatro em cerca de dez anos de grupo. Recentemente, o grupo circulou com o espetáculo “Outra História de Francisco” (patrocinado pelo Atacadão e Lei Rouanet) em 25 cidades brasileiras, nas regiões Norte, Norte e Sudeste do País.

A dupla mais ouvida do Brasil promete mostrar porque é a sensação do momento.

Dupla Zé Neto e Cristiano se apresenta em Araguaína

A data já está marcada. Será no dia 11 de outubro que Zé Neto e Cristiano desembarcam em Araguaína para o grande show no Parque de Exposições Dair José Lourenço. Eles são os mais ouvidos do Brasil na atualidade, seja na internet ou nas rádios, e não param de lançar sucessos que rapidamente chegam ao topo das paradas, como as queridinhas do público.

Tão certo como ouvir "Largado às traças", "Notificação preferida", "Mulher maravilha" é ter no repertório outros tantos sucessos que figuram nas listas de músicas mais executadas nas rádios do país nos últimos anos. Todas com o toque da bachata, instrumento marcante nos hits de Zé Neto e Cristiano, uma tendência latina que tem chamado a atenção do mundo todo.

Quem for ao show também será presenteado com um grande espetáculo de luz e cores, com muita tecnologia, em um ambiente de muito romantismo e com a garantia de momentos inesquecíveis.

A organização espera casa cheia, visto que os shows da dupla seguem batendo recorde de público por onde passam. Para antecipar as vendas, o primeiro lote de ingressos já está sendo vendido com preços promocionais e podem ser encontrados nos seguintes locais: Depyl Action, Açaiteria, Loscarvan, Lojas Rezende, Lojas Noroeste. Outra opção é comprar pela internet no site ww.bilheteriadigital.com/show-ze-neto-e-cristiano-11-de-outubro.

✓ Se liga nos horários!
21h51min - início com DJ Diego Alencar
22h51min - Gravação do Clipe do cantor Nilton Sales
23h51min - Mega Show Zé Neto & Cristiano
Open Bar das 22h às 2h

_____________________

✓ Preços
• Pista
Meia: R$ 25,00
Inteira: R$ 50,00

• Extra VIP (Open Bar: água, refrigerante e cerveja): R$ 80,00

• Camarote “Novo Sonho” (Open Bar: água, refrigerante, cerveja e uma garrafa de Whisky 12 anos) P/ 10 pessoas: R$ 2.500,00
Venda de Camarote: Tatiane Silva no escritório da Estratégia no Parque de Exposições Dair J. Lourenço (63) 99292-8208
👉 Camarotes limitados

_____________________

✓ Formas de pagamento:
• À vista: CRÉDITO, DÉBITO e DINHEIRO
• A prazo: CARTÃO DE CRÉDITO em até 2X
• Não aceitamos cheque!


Informações:

(63) 99292-8208 

Confira os filmes selecionados para a 13ª edição do Festival Chico

Com número recorde de inscrições, o Festival Chico divulgou na última sexta-feira, 7, os filmes selecionados para as Mostras da 13ª edição do festival. Serão 48 filmes exibidos, com mais de 700 minutos de histórias contadas na telona, no período de 25 a 29 de setembro, no Cine Cultura, em Palmas.

Serão 10 filmes exibidos na Mostra Tocantins, 15 na mostra Brasil, 12 na Mostra Regional e 11 filmes na Mostra Infâncias. A programação do festival é totalmente gratuita e será divulgada em breve no site: www.festivalchico.com. Além da exibição de filmes o Chico 2018 contará com bate papos e painéis com pesquisadores e produtores nacionais e regionais de audiovisual.

Edu Fernandes, um dos curadores do Festival Chico, disse ter ficado honrado em participar desse processo. “Foi com muita honra que recebi o convite de participar da comissão de curadoria do Chico em uma edição tão especial, de resgate de uma importante janela para o cinema na região Norte. Pelas inscrições, percebi que o cinema estava carente do Chico, pois uma produção muito diversa está interessada em ser exibida para o público do Tocantins”.

Sobre o processo de seleção dos filmes para essa edição, Edu afirmou que a reflexão social estará presente nas Mostras. “Com muitas opções valiosas, tentamos dar um panorama da pluralidade de vozes que o cinema brasileiro contemporâneo abarca, com debates de questões muito relevantes na pauta de reflexões sociais atuais”, concluiu.

A 13ª edição do Festival Chico é realizada pelo Fundo Nacional de Cultura e Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura (MinC), sendo co-realizado pelo Centro de Imagem e Som (CIM). É realizado e produzido pela Jubalina Produções com produção associada de Produza Studio Criativo. Conta ainda com os apoios da Fundação Cultural de Palmas (FCP), Mistika Post, Universidade Federal do Tocantins (UFT), Serviço Social do Comércio do Tocantins (Sesc), MZN Filmes, Conexão Audiovisual Centro-Oeste, Norte e Nordeste (CONNE), Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e Secretaria de Estado da Comunicação Social.

Premiação

Os filmes ganhadores indicados Melhor Edição. Além da premiação com o troféu, o Júri Técnico concede o Prêmio Especial ao Melhor Filme da Mostra Tocantins, destinado ao produtor do filme, com uma Residência Artística Internacional em festival de cinema realizado na América Latina em 2018. Este Júri também concede à Mostra Brasil o Troféu Chico 2018 para o Melhor Filme desta categoria junto à Residência Artística Internacional, sendo esta destinada ao Produtor ou Diretor do filme. A empresa Mistika Post oferecerá um prêmio especial para o Melhor Diretor do Tocantins, sendo R$ 4 mil em serviços de pós-imagem.

O Júri Popular, constituído pelo público espectador, escolhe o Melhor Filme em todas as mostras: Mostra Brasil, Mostra Tocantins, Mostra Infâncias e Mostra Regional. Os filmes com maior número de votos em cada exibição serão premiados com o Troféu Chico 2018.

Confira os filmes selecionados:


MOSTRA BRASIL (15 filmes, 178’)

Afronte (DF)

Anamnese (RJ)

Arara: Um Filme sobre um Filme Sobrevivente (MG)

Carne (RJ)

Cabra Fêmea (BA)

Casa Cheia (PE)

Close (CE)

Demônia – Melodrama em 3 Atos (SP)

Entre Sós (RS)

Estamos Todos Aqui (SP)

Lésbica (BA)

Nascida para Matar (SP)

Nomofobia (PB)

Nós por Nós (DF)

Um Filme de Baixo Orçamento (SP)


MOSTRA REGIONAL (12 filmes, 147’)*

Até que a Última Luz se Apague (AM)

Canção do Amor Perfeito (PA)

Não Falo com Estranhos (BA)

Nenúfares (CE)

O Tesouro de Cavendish (RN)

Piracema (TO)

Rotina e Depressão (TO)

Ruas de Rio (AM)

Só na Legenda (MA)

Três (DF)

Voyeur (GO)

Vento Menino (MA)


MOSTRA INFÂNCIAS (11 filmes, 184’)

A câmera de João (GO)

A Fuga (SP)

Cadarço (SP)

Manche (SP)

Meu Pequeno Herói não Sabe Voar (SP)

Os Guerreiros da Rua (PE)

O Menino do Dente de Ouro (RN)

O Menino Leão e a Menina Coruja (DF)

Quatro Estações (SC)

Vai que É Sua Tafarinha (AM)

Xavier (SP)


MOSTRA TOCANTINS (10 filmes, 174’)


A Massa que Faz o Pão

Fuga

Gigantes de Palmas

Labirinto de Papel

Menina Bonita de Trança

Mulher Guerreira

No Avesso da Noite

O Espetáculo das Américas

Olhai por Nós

Tá Longe 

Última noite de Festival leva cerca de 14 mil pessoas a Taquaruçu

Na última noite do 12º Festival Gastronômico de Taquaruçu, o público estimado em 14 mil pessoas conferiu de perto os vencedores do Festival Gastronômico nas categorias Pratos Salgados, Pratos Doces, Comidinhas Salgadas e Food trucks, na Cozinha Show.

Todos os participantes concorreram com uma receita em apenas uma das quatro categorias, sendo estas distribuídas em 27 vagas para Comidinhas Salgadas, 25 para Pratos Salgados, 10 para Pratos Doces, e sete para Food trucks.

Os vencedores de cada uma das categorias levaram para casa os seguintes valores; R$ 6mil para o primeiro lugar, R$ 2 mil para o segundo lugar e R$ mil para o terceiro lugar.

Na categoria Prato Salgado, o primeiro colocado foi o prato Surubim à Dorê, com a participante Debora Almeida Lima Oliveira. O ator Wesley Gomes experimentou a iguaria e aprovou. “O sabor e a suculência desse molho e o peixe que é indispensavelmente saboroso”, disse.

Já na categoria Prato Doce, o primeiro lugar ficou com Verônica Augusto Oliveira, que apresentou o prato O Regional. Para Verônica, a iguaria leva um sabor inigualável do buriti e do queijo e o frescor de creme. A professora Lidia Barroso, de Taquaruçu, achou o prato espetacular. “Eu achei espetacular, além de lindo, agradável e gostoso, tem um sabor gelado com quente e o nome regional combinou com o buriti da nossa terra”, comentou.

Com vários elementos da cozinha tocantinense, o prato Acarajé Tocantinense foi o primeiro colocado na categoria Comidinha Salgada, feito por Andreia Pereira da Silva Costa. A estudante de Medicina Lara Jee Sá Silva não perdeu tempo para provar a iguaria. “Eu gostei muito, bem saboroso, a pimenta está moderada. Está aprovadíssimo”, avaliou.

Na categoria Food truck, o prato Crepe de Fervedouro garantiu o primeiro lugar e o prêmio de R$ 6 mil para Natália Rocha Miranda. “É o amor que a gente tem pela comida, a gente faz com muito carinho. O crepe fervedouro foi uma criação minha e do meu esposo Romeu, com recheios regionais e o queijinho que ferve em cima da chapa, dando nome ao prato”, disse.

A jornalista Yonny Furukawa deu uma pausa no trabalho para saborear o crepe. “Nota 10, agora entendi por que ganhou o primeiro lugar. É um crepe recheado com carne de sol com um molho especial, que é o segredo para ganhar em primeiro lugar”, disse.

No final da premiação, foi sorteada entre os primeiros colocados de cada categoria uma viagem com acompanhante para Gramado-RS, tendo como sorteada Natalia Rocha Miranda.

Após a premiação dos pratos regionais, a chef Ruth Almeida comandou a Cozinha Show, ao lado dos chefs Osmani Silva e Thiago Sintani. O público acompanhou de pertinho uma verdadeira aula show com Thiago Sionane, que preparou o prato Ceviche de Tambaqui Tropical, e Osmani Silva o prato, Carreteiro dos Azuis, juntamente com o coquetel Rio Azuis. Já a chef Ruth Almeida preparou o Pirarucu Marinado na Beterraba, com molho aveludado vermelho.

Para o chef Osmani Silva, “o prato é um carreteiro com toque gourmet de gengibre e baru, flambado com a cachaça que é produzida em Aurora do Tocantins”, disse.

A chef de cozinha de Goiânia, Cássia Maria Teixeira, estava acompanhada do sobrinho Othon Gonçalves Teixeira Neto, que mora em Palmas. Para ela, o Festival Gastronômico deste ano superou as expectativas. “Esse ano eu achei melhor, ainda, pois é o segundo ano que venho e vejo que está excelente. A cada ano está melhor ainda”, avaliou.

Ainda de acordo com a chef gastronômica, os pratos premiados estavam saborosos, e fez um elogio a culinária tocantinense com destaque para o prato surubim à Dorê.

“Os pratos estão especiais pelos ingredientes que são usados, pratos bem preparados, feito com muito amor, eu experimentei quase todos, gostei muito de um risoto com pequi também”, disse.

A prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro, disse que a 12ª edição do Festival Gastronômico de Taquaruçu veio se consolidar como o evento que entrou para o calendário brasileiro. “Nós resolvemos prestigiar nossos talentos tocantinenses no Cozinha Show, para que de fato possamos realçar ainda mais nossa cultura tocantinense por meio da inovação de nossos pratos do dia a dia”, disse, acrescentando o recorde de público de aproximadamente 100 mil pessoas nas cinco noites de festival.

Rosa de Saron

A última noite do 12º Festival Gastronômico de Taquaruçu foi abrilhantada pela banda de rock cristão Rosa de Saron, que trouxe para o público da juventude católica, principalmente aos jovens da Renovação Carismática, o seu ultimo trabalho do álbum Gran Paradise. O vocalista da banda, Guilherme de Sá, disse que o ultimo álbum foi um desafio, sempre procurando inovar e ousar. “Sempre tocamos músicas que marcaram os últimos discos da carreira, com o show mesclado com o novo álbum”, disse.

O gerente de autopeças Lucas Lancaster acompanha a banda desde os seus 15 anos. Dentre as músicas que ele mais gosta, está o Sol da Meia-noite, Rara Calma, Anjos da rua.

A estudante Julia Leime aguardava ansiosa para tirar uma foto com a banda. “Todo ano graças a Deus eu consigo falar com eles”. Para ela, o Gran Paradise é um ótimo trabalho com destaque para Sem você, Gratidão, dentre outras.

O encerramento do 12º Festival Gastronômico de Taquaruçu ficou com a dupla sertaneja gospel Carlos e Mariano.

Rosa de Saron e premiação dos pratos encerram programação do FGT

Depois de quatro dias com uma programação diversificada, que trouxe ao distrito de Taquaruçu oficinas gastronômicas, shows musicais com grandes bandas do cenário nacional e local, além de ampla oferta de comidas regionais, a 12ª edição do FGT termina neste domingo, 09. Mantendo a qualidade dos dias anteriores, a programação desta noite oferece atrações para toda família, com muita diversão e o melhor da gastronomia tocantinense.

A atração nacional ficará por conta da banda de rock com temática cristã, Rosa de Saron, que sobe ao palco do FGT, a partir das 22 horas. Mas antes do show musical, a criançada vai poder se divertir com a apresentação circense do Festival Kids com o Palhaço Batatinha, a partir das 19 horas, também no palco central do evento. “No show teremos teatro de fantoches, mágicas, brincadeiras com personagens de desenhos animados e muitas músicas dançantes. Preparamos tudo com muito carinho para agradar toda família”, revelou Batatinha.

Em seguida, às 20 horas, será realizada a tão esperada premiação dos pratos vencedores. Lembrando que, logo após, haverá o sorteio de uma viagem para Gramado - RS, entre os primeiros lugares das categorias Prato Salgado, Comidinha Salgada, Prato Doce e Food Trucks vencedoras do concurso gastronômico deste ano.

Rosa de Saron

Os músicos Guilherme de Sá (voz), Eduardo Faro (guitarra), Rogério Feltrin (baixo) e Wellington Greve (bateria) integram a Banda Rosa de Saron que foi criada em 1988. A banda traz para Palmas a turnê Gran Paradiso com 14 faixas e outros sucessos como Do Alto da Pedra, Amor Sincero, Apenas uma Canção de Amor e Lembranças. As canções prometem momentos de louvor e adoração, especialmente entre os jovens católicos ligados ao movimento conhecido como Renovação Carismática.

Cozinha Show

As atrações do espaço gourmet Cozinha Show desta quinta noite do Festival ficarão por conta da chef Ruth e os convidados Tiago Sintane e Osmane José da Silva, a partir das 21 horas. Entre as especialidades dos chefs destacam-se, além da boa e conhecida comida mineira, cozinha mediterrânea, alemã e italiana.

A chef Ruth Almeida foi ganhadora do prêmio Dolmã 2018 e embaixadora da Gastronomia no Tocantins. Osmane ganhou o prêmio Dolmã pelo Tocantins em 2016 e Thiago Sintane, além de jurado do Master Chef Brasil em 2015, foi vencedor do prêmio Dolmã no mesmo ano.

FGT 2018

A 12ª edição do Festival Gastronômico de Taquaruçu (FGT) começou no último dia 05 de setembro, com apresentações culinárias e shows musicais, que reforçam o clima de diversão e valorização da culinária regional, em que a competição de pratos se baseia. Este ano concorrem 69 pratos distribuídos em 27 Comidinhas Salgadas, 25 Pratos Salgados, 10 Pratos Doces e sete Food Trucks. 

Banda Titãs sobe ao palco no penúltimo dia de Festival Gastronômico

Hoje é a penúltima noite do Festival Gastronômico de Taquaruçu (FGT) e a banda de rock nacional, Titãs, é a [rincipal atração artística do evento neste sábado.

O show que está previsto para as 22 horas, promete ser inesquecível com a apresentação de grandes sucessos dos 34 anos de estrada da banda.

Competição

Sessenta e nove receitas serão avaliadas pelo júri técnico e convidado durante a 12º Festival Gastronômico de Taquaruçu (FGT), cuja programação segue até domingo, 09. Dentre os critérios estão o sabor, cor, aroma, textura e temperatura dos alimentos servidos, que devem ter obrigatoriamente pelo menos um ingrediente regional escolhido pela organização - pequi, coco de babaçu, carne de sol, carne seca, chambari, peixes (tucunaré, tambaqui, pirarucu, surubim), mandioca, caju, manga, buriti, murici, cagaita, mangaba, cajá, amor perfeito, milho in natura, paçoca de carne seca, feijão trepa pau, fava e outros ingredientes considerados da região.

Esta edição teve número recorde de inscrições, um total de 160, que foram avaliadas por um corpo de jurados técnicos da Associação Brasileira de Restaurantes no Tocantins (Abrasel-TO). Uma das principais novidades é a ampliação do número de participantes, que passou de 50 para 70, sendo que um deles foi desclassificado por não comparecer ao curso obrigatório, restando assim, 69 pratos na disputa gastronômica. Outra inovação foi a nota mínima de corte para a classificação dos participantes, que tiveram que atingir a mínima de 70 pontos na avaliação técnica.

Categorias

Os participantes concorrem em uma das quatro categorias, que são: Comidinhas Salgadas (sanduíches, pamonhas, salgados, tapiocas, crepe, pastel, tortas em geral, pizza, cuscuz, shawarma e similares). Trailer/Food Truck, nesta categoria, os participantes concorrem com comidinhas salgadas (sanduíches, pamonhas, salgados, tapiocas, crepe, pastel, tortas em geral, pizza, cuscuz e similares) e pratos doces. Já na categoria Prato Salgado foram aceitas receitas que contenham uma proteína com acompanhamentos. E na categoria Prato Doce concorrem as sobremesas em geral.

Todos os participantes concorrem com uma receita, em apenas uma das quatro categorias, sendo estas distribuídas em 27 vagas para Comidinhas Salgadas, 25 para Pratos Salgados, dez para Pratos Doces e sete para Food Truck.

Premiação

Os vencedores serão premiados da seguinte forma: 1° lugar - R$ 6 mil, 2° lugar - R$ 2 mil, 3º lugar – R$ 1 mil, sendo desta forma as quatro categorias do festival.

Este ano os pratos serão comercializados pelos seguintes valores, conforme suas categorias: as Comidinhas Salgadas poderão ser comercializadas de R$ 10 a R$ 12,00, os Pratos Salgados de R$ 10 a R$ 14,00, os Pratos Doces de R$ 8,00 a R$ 10,00, e para Food Truck de R$ 10,00 a R$ 12,00. E deverá estar disponível para comercialização todos os dias, das 17h às 01h para o público visitante.

O presidente da Agência Municipal de Turismo (Agtur), Eudes Assis, ressaltou a importância que o evento tem para o turismo na cidade. Segundo ele, o FGT é responsável por toda uma rede de desenvolvimento da cidade. “Estamos trabalhando para mais uma vez realizar um grande evento como esse, com a mesma qualidade do ano passado, e é muito gratificante ver os frutos do evento, pois por meio dele, nós proporcionamos qualificação profissional, geração de emprego e renda, movimentando toda uma cadeia de desenvolvimento econômico e turístico da Capital”, enfatizou Assis.

Avaliação dos jurados

A avaliação dos pratos será feita pelo júri técnico, com nove pessoas selecionadas pela Associação Brasileira de Restaurantes (Abrasel) e pelo júri convidado, composto por 24 pessoas, entre empresários, imprensa e apoiadores do evento. O júri convidado avaliará os pratos apenas no segundo dia do evento, dia 6 de setembro.

Já o júri técnico, composto pelos profissionais Rita Setúbal de Sousa, Roberta Gonçalves Ribeiro, Vilma Gomes de Moraes, Zilmar Saraiva da Costa, Naitilanea Conceição Santos, Adriana Vilhena dos Santos Eugênio, Elisabete Soares de Araujo, Sandro Rogerio Ferreira, e Quesia Gomes Fonseca, avaliará os pratos nos dias 5 a 8 de setembro, a partir das 19 horas.

Voto popular

O público também ajudará a escolher o melhor prato, por meio do voto em cada uma das categorias, acessando o site http://fgt.palmas.to.gov.br. O participante deverá informar um e-mail válido para acessá-lo e confirmar seu voto.

Programação
 
Atrações Musicais
 
08/09 - Titãs
09/09 – Rosa de Sarom e Show infantil com Batatinha e Personagens
 
Cozinha Show
 
08/09 - Rosa Nunes e Roberta Ribeiro e Juventude (Fund. Juventude)

09/09 - Ruth Almeida (com participação dos chefs Osmane e Thiago Siintani) 

 

Romantismo de Victor e Leo emociona público na abertura do FGT

E foi ao som de Senhorita, que a dupla Victor & Leo abriu o 12º Festival Gastronômico de Taquaruçu (FGT) fazendo o público cantar com emoção. Palmenses e turistas prestigiaram o show, que apresentou músicas que fazem parte da carreira dos artistas como Lembranças de Amor, Não Precisa, Fotos, Meu Eu em Você e muitos outros sucessos.

Ao se apresentar pela primeira vez no FGT, Leo elogiou a hospitalidade e carinho do público. “É um festival cultural, leva arte, leva música e a gente tem o privilégio de estar aqui fazendo parte desse evento”. Victor elogiou a importância da Prefeitura por sustentar um evento como o FGT que envolve a culinária regional com música que envolve cantores locais e nacionais.

“A gente está falando de sabores, a alma precisa degustar, a questão do físico a gente alimenta como uma forma de reflexo, sustenta o corpo para a alma ser sustentada pelos sabores da vida. Um dos sabores que a gente pode provar é a música, a arte, a encenação, tudo isso está misturado numa culinária bastante peculiar. Acho que tem tudo a ver a combinação da gastronomia com a música, pois é um festival que festeja o sabor”, disse Victor.

A primeira noite do evento reuniu um público de 15 mil pessoas, segundo estimativa da Guarda Metropolitana de Palmas. Dentre os visitantes, está a funcionária pública de Goiânia – GO, Déborah Arantes. Fã da dupla, Déborah ficou sabendo do FGT pelo site dos cantores e resolveu vir prestigiá-los e conhecer a capital tocantinense e o Festival. “Eu sei que o Victor ama doce de leite, então eu sempre faço e entrego pra ele, porque a arte deles me beneficia tanto e essa é a forma que eu encontrei de agradecer”, comentou.

O show de Victor & Leo, além de unir pessoas de vários cidades e estados, também atrai pessoas de todas as idades, como Isaias Oliveira, 67 anos, que curtiu a apresentação ao lado da esposa e de um casal de amigos. “A cultura é super positiva, coisas novas trazem alegria e o povo se integra bastante, acho muito legal os eventos aqui em Taquaruçu, especialmente o Festival Gastronômico que traz várias pessoas, comidas e shows”, disse.

Rhaylla Parrião, 20 anos, veio com o esposo e a filhinha de um ano para curtir o show. “Aqui é muito animado e tem muita diversidade de pratos. É bem organizado e gosto tanto de vir que já é a segunda vez que trago minha filha. A primeira vez que ela veio só tinha 15 dias de nascida. Aqui é muito tranquilo para trazer as crianças”, ressaltou.

A dupla

Os irmãos mineiros formaram a dupla ainda em 1992, mas foi a partir de 2006 com o álbum CD Vitor & Leo Ao Vivo, que os cantores tiveram reconhecimento nacional. Atualmente a dupla folk brasileira possui um estilo que mescla música sertaneja de raiz, pop e rock, com uma releitura moderna e mais contemporânea do estilo caipira, bastante trabalhado no novo álbum Na luz do som.

FGT inspirando projetos

A professora da Universidade Federal do Tocantins do Campus de Arraias - TO, da disciplina de Gastronomia, Gestão e Cultura e também da disciplina de Eventos do curso de Turismo Patrimonial e Socioambiental, Thamyris Andrade, conheceu o FGT em 2016 e se encantou com o festival. Levou para o Campus a ideia do evento que inspirou o Festival Gastronômico de Arraias. No 12º FGT, a professora trouxe os alunos do curso de Turismo para conhecer e buscar entusiasmo para a segunda edição do evento em Arraias que acontece nos dias 12 e 13 de outubro.

“A gente está falando de região de comunidades tradicionais, rico em cultura e que as pessoas têm um poder e um conhecimento sobre a terra que a gente desconhece e que a gente não valoriza, então o objetivo principal do Festival Gastronômico de Arraias é fomentar a valorização do cerrado enquanto bioma, enquanto fornecedor de insumos que são capazes de nos alimentar muito bem”, contou a professora.

Confira abaixo a programação para os próximos dias do 12º FGT

Atrações Musicais

06/09 - Banda Liberou Geral e Dorivã – (Regional)

07/09 - Biquini Cavadão

08/09 - Titãs

09/09 - Rosa de Sarom e Show infantil com Batatinha e Personagens

Cozinha Show

06/09 - Andréa Shima – (Nacional) e Idosos da Sedes

07/09 - Adriana Zago, Eduardo Zonta e Apae

08/09 - Rosa Nunes e Roberta Ribeiro e Juventude (FIJP)

09/09 - Ruth Almeida (com participação dos Chefs Osmane e Thiago Siintani)

Anterior 1 2 3 4 5 6 Próximo 
Publicidade
Publicidade

Facebook

Twitter

Vc é o Repórter

Tem uma reportagem, fotos, vídeos, histórias ou curiosidades?

Mande para nossa redação. Seja você o REPÓRTER.