Menu
Busca sábado, 28 de novembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
32ºmax
22ºmin
CLIMA TENSO

Após denúncias, cidade do Tocantins pode ter apenas um candidato à prefeito nessas eleições

08 novembro 2020 - 16h45Por Redação

O clima de campanha eleitoral está tenso na cidade de Arapoema, no Norte do Tocantins, onde dois dos três candidatos que concorrem ao cargo de prefeito, poderão ficar de fora da disputa.

Paulo da Barra

Um dos candidatos que está sendo alvo de ação protocolada na Justiça eleitoral é Paulo da Barra Bonita (PV) junto com o seu vice, Jurandir Fidelis (PP). Segundo denúncia, o grupo político encabeçado por eles, estaria realizando supostas doações de cestas básicas e dinheiro em espécie em troca de apoio político.

A ação protocolada na 31ª Zona Eleitoral de Arapoema foi movida pela coligação da atual prefeita e candidata à reeleição, Lucineide Freitas (Professora Lu) e pode ser acompanhada através do número 0600504-04.2020.6.27.0031, no site do Tribunal Regional Eleitoral.

Professora Lú

Por outro lado, Professora Lú e seu vice, Edimar César Modesto (Edimar da Rádio), também estão na mira da Justiça Eleitoral, através de uma ação protocolada pelo seu opositor, Paulo da Barra Bonita que cobra a averiguação de possíveis infrações e crimes eleitorais cometidos por eles durante a campanha.

Ambas as ações aguardam decisão judicial que podem ser anunciadas ainda antes do dia 15 de novembro, data da eleição.

Hélio do São Lucas

Diante do impasse, o único candidato que segue sem impedimentos judiciais na disputa, é o Hélio do São Lucas (Podemos) que atualmente ocupa o cargo de vice de Lú mas romperam a aliança política firmada nas eleições passadas para prefeito.

AO VIVO