Menu
Busca sábado, 28 de novembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
32ºmax
22ºmin
ELEIÇÕES EM GUARAÍ

Fátima Coelho faz reunião no Setor Pestana e afirma: “se a Lires, que teve que pagar dívidas, mudou a cidade, imagina o que eu posso fazer”.

30 outubro 2020 - 10h44

Seguindo o debate de ideias e propostas com os guaraienses, na noite desta quinta-feira, 29, a candidata a prefeita de Guaraí, pela Coligação A Excelência Continua, Fátima Coelho (DEM) fez uma grande reunião com os moradores do setor Pestana. Na ocasião, ela fez uma projeção do que pode fazer como prefeita.

“Eu fico imaginando todas as melhorias que podemos trazer para população de Guaraí. É uma questão de lógica:  se a Lires [Ferneda], que teve que pagar dívidas, mudou a cidade, imagina o que eu posso fazer, dando continuidade a essa gestão que arrumou a casa e que e vai deixar a prefeitura completamente em ordem. Não podemos retroceder!”, apontou Fátima Coelho.

A candidata também apontou os benefícios que chegarão para os moradores do Setor Pestana. “A regularização fundiária já chegou em alguns bairros e também chegará aqui. Essa regularização é importante para que outros benefícios também cheguem. Aqui no Setor Pestana, vou implantar um posto de coleta do Laboratório de Análises Clínicas e também vamos asfaltar algumas ruas”, ressaltou.

O candidato a vice-prefeito Donizete Rocha (PV) destacou áreas que tiveram avanços importantes. “A saúde e a educação avançaram muito, mas podemos avançar muito mais. Temos todas as Unidades Básicas de Saúde reformadas, e vamos avançar trazendo mais especialidades médicas. Temos quase todas as escolas reformadas, e vamos reformar as que ainda faltam e continuar com os benefícios que já chegaram”, pontuou.

A prefeita Lires Ferneda chamou atenção para os valores das dívidas encontradas em aberto. “Quando a Fátima fala que eu encontrei a prefeitura cheia de dívidas, não foram dívidas pequenas. Só de repasses do GuaraíPrev era mais de R$ 1, 2 milhões. Tivemos que fazer um baita planejamento para pagar essas contas e continuar levando os benefícios para população. Por isso, precisamos escolher a continuidade da gestão que pagou as dívidas e não da que deixou as contas”, ressaltou.

AO VIVO