Menu
Busca quarta, 02 de dezembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
34ºmax
23ºmin
TOCANTINS

PM registrou apreensões, prisões e multas neste domingo de eleição

16 novembro 2020 - 09h43Por Redação

Em balanço parcial da Operação Eleições 2020, a Polícia Militar (PM) divulgou informações de prisões, apreensões e multas por desobediência às leis eleitorais.

Em São Bento e Muricilândia foram flagradas o transporte ilegal de eleitores. Na primeira cidade, um ônibus de turismo foi apreendido e uma lista de eleitores foi entregue ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

No momento da apreensão, o veículo estava vazio, mas a lista encontrada mostrava a relações de eleitores que fizeram e fariam o transporte. Em Muricilândia, um homem foi detido pelo transporte ilegal de 270 litros de gasolina.

Em Palmeiras do Tocantins, o dono de uma fazenda foi preso por crime ambiental, devido ao armazenamento de substâncias tóxicas. Na propriedade foram encontrados 449 litros de gasolina e 110 litros de óleo diesel, que estavam armazenados e sendo distribuídos de forma irregular durante uma carreata política.

Em Monte do Carmo, um rapaz de 23 anos foi autuado por desacato e desobediência durante uma abordagem policial.

Uma coligação foi multada por aglomeração de pessoas e veículos e foi enquadrada como desobediência à decisão judicial.

Um casal foi detido em Dianópolis foi preso por desobediência e por dirigir sem habilitação durante uma carreata política.

Segundo a Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública, ainda foram registrados crimes eleitorais como compra de votos, transporte e concentração de eleitores e desobediência às ordens da Justiça Eleitoral.

Apesar da ocorrências, a operação ocorre dentro da normalidade.

AO VIVO