Menu
Busca sábado, 21 de setembro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
38ºmax
23ºmin
ToledoFibra
RIO DE JANEIRO

Equipe viaja para representar o Tocantins na Olimpíada de Jogos Digitais

06 agosto 2019 - 08h40

Uma equipe de estudantes e professores foi selecionada para representar o Tocantins no Rio de Janeiro, após desenvolverem um jogo digital chamado A pequena jornada, durante a fase regional da Game Jam Plus, em Palmas. Também conhecido como Olimpíada Brasileira de Jogos Digitais, o evento ocorreu entre, os dias 2 e 4 de agosto, e teve inscrição de seis equipes, que desenvolveram jogos para escolha de uma banca de jurados.

O time que teve o jogo escolhido é composto pelos estudantes Cristovão Ferreira Liberato Júnior, Eduardo Ozika Lacerda Vicente, que fazem o curso técnico em Programação de Jogos Digitais, promovido pela Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Integra ainda a equipe o professor da Escola Estadual Vale do Sol Raimundo Ferreira de Melo Neto e Talles Martins Moura, que também é professor.

Talles Martins Moura explicou como foi o processo de desenvolvimento do jogo, focado na inclusão. “Desenvolvemos um projeto que precisou ser refeito duas vezes, foi amadurecendo com contribuição de todos, e a ideia final é uma aventura protagonizada por uma cadelinha que tenta voltar para casa. Nosso diferencial foi incluir recursos auditivos capazes de ajudar crianças surdas a completarem a missão do jogo”, frisou.

Já o estudante do curso do Pronatec, Cristóvão Ferreira Liberato Júnior, falou que a competição foi uma forma de explorar as habilidades do trabalho em equipe. “No curso, a gente aprende não somente a programar jogos com linguagens de programação ou a calcular a distância entre objetos, mas também a lidar com as qualidades e defeitos de cada um da equipe, e acredito que isso tenha influenciado na forma que dividimos as tarefas para cada componente, o que, consequentemente, permitiu que conseguíssemos lidar com o tempo curto de um Game Jam e desenvolver o nosso jogo”, ponderou.

A equipe irá embarcar para o Rio de Janeiro onde terão a oportunidade de apresentar o jogo e ter contato com criadores de diversas partes do mundo, além de conhecer melhor o mercado dos games.

Classificação Popular

Além da equipe já classificada, escolhida pelo júri do Game Jam Plus, outra equipe terá a oportunidade de participar da fase nacional. Para isso, uma votação está disponível até o final de agosto, no site da competição. A equipe que obtiver mais engajamento, compartilhamentos e downloads do jogo também irá para o Rio de Janeiro no mês de novembro.

Confira o resultado da etapa regional Game Jam Plus em Palmas e acesse aos jogos on-line

1º lugar: Equipe game A pequena Jornada


Cristovão Ferreira Liberato Júnior
Talles Martins Moura
Eduardo Ozika Lacerda Vicente
Raimundo Ferreira de Melo

Game A Pequena Jornada

2º lugar: Equipe game Turble Defense

Isabela khun
Luiz Alberto
Luiz Nicolau
Igor Cardoso
Rubens Eduardo
Lucas Alexandre
João Victor Abreu

Game Turble Defense

3º lugar: Equipe game Robozito

Nareilson Bispo de Sousa
Nailson Bispo

Game Robozito

4º lugar: Equipe game A Busca de Ferdinando

Eduardo Alezandro Andrade Botelho
Ângelo Costa Bomfim
João Antonio Fernandes
Alexia Souza

Game A Busca de Ferdinando

Game Jam

Esta é a terceira edição da olimpíada, que acontece em oito países diferentes, em 37 cidades. O evento propõe um encontro para que desenvolvedores profissionais e iniciantes tenham contato com a indústria criativa de jogos digitais, desenvolvendo suas habilidades técnicas de criatividade, comunicação, marketing, planejamento e inovação. Em Palmas, a olimpíada é realizada com apoio da Seduc, SEBRAELAB, Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Universidade Federal do Tocantins (UFT) e Instituto Federal do Tocantins (IFTO). 

Ao Vivo