Menu
Busca quinta, 23 de setembro de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
37ºmax
23ºmin
MARIA DA PENHA

Aplicativo com botão do pânico reforça proteção de mulheres no Tocantins

18 agosto 2021 - 11h34

A deputada estadual Luana Ribeiro (PSDB) prestigiou nesta terça-feira, 17, a cerimônia de lançamento do aplicativo PMTO Mulher/Botão do Pânico, da Polícia Militar do Tocantins (PMTO), que vai reforçar o serviço de assistência ás mulheres vítimas de violência atendidas pela Patrulha Maria da Penha. O lançamento contempla as ações do Agosto Lilás, mês de conscientização pelo fim da violência contra a mulher.

Autora da Lei que institui a Patrulha Maria da Penha no Tocantins (Lei nº 3560/19), a parlamentar comemorou o avanço das ações de enfrentamento à violência no estado. “O trabalho realizado pela Patrulha já é um diferencial na política de combate à violência doméstica. Hoje é um dia de vitória para as mulheres tocantinenses que poderão contar com o suporte desse aplicativo, que disponibiliza um botão do pânico para acionar o 190 em situações de risco e amplia o serviço de proteção à mulher”, frisou Luana.

O aplicativo

O Ten Cel Moisés Mecena, responsável pela área de Tecnologia Embarcada da PMTO, explicou que o aplicativo atenderá inicialmente as mulheres que já são acompanhadas pela Patrulha Maria da Penha. “O aplicativo não será disponibilizado para a sociedade fazer download. Primeiro, será liberado um cadastro para as mulheres que estão sob medida protetiva e o responsável pela Patrulha Maria da Penha irá realizar esse cadastro e acompanhar todos os casos por meio do aplicativo”, explicou.

Para a capitão Flávia Roberta, coordenadora estadual da Patrulha Maria da Penha, o aplicativo é resultado de um trabalho coletivo que visa preservar a vida de mulheres que sofrem com atos violentos. “Com o aplicativo, a mulher vai poder solicitar ajuda de forma imediata e acompanhar a rota da viatura quando o chamado for atendido, agendar visitas, e ter na palma da mão a legislação com todas as leis que asseguram os seus direitos. É um ganho para o Tocantins.” disse a capitão. 

Viatura e Formação 

Na cerimônia, o comandante-geral da PMTO coronel Silva Neto assinou o ato de inclusão, no Curso de Formação de Praças, da disciplina de “Atendimento a Ocorrências de Violência contra as Mulheres” e entregou à coordenação da Patrulha uma nova viatura, com plotagem específica para garantir um atendimento mais eficiente e humanizado às mulheres. “A violência contra a mulher tem preocupado a Polícia e o Governo do Tocantins, por isso fomos em busca de melhorias para o trabalho realizado pela Patrulha Maria da Penha. O aplicativo vai atuar diretamente com a Polícia Militar e irá agilizar os atendimentos às mulheres que hoje são acompanhadas pela patrulha”, reforçou o comandante-geral da PM, coronel Silva Neto.

AO VIVO