Menu
Busca segunda, 28 de setembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
38ºmax
22ºmin
DENÚNCIA

Creche inacabada interrompe atividades por riscos à saúde de crianças e funcionários

17 março 2011 - 09h43

Alessandro Sachetti
Da Redação

 

Na manhã desta quarta-feira, 16, a creche Santa Clara, localizada no setor Alto Bonito, teve suas atividades interrompidas por conta do forte cheiro exalado do produto usado pela equipe de limpeza que está trabalhando no local. A denúncia chegou à redação do Portal O Norte, através de um pai que tem seu filho matriculado na creche e que não quis se identificar. 

Nossa equipe de reportagem foi até o local para averiguar a denúncia e constatamos que apesar de estar funcionando desde o dia 17 de fevereiro, a construção da creche está em fase de finalização e é possível ver no local, diversos materiais como ferros, madeiras, andaimes, tintas e outros produtos usados na obra. Além, é claro, do barulho causado pelas obras no local.

A resina líquida, usada para a limpeza do piso e que tem como função dar brilho ao mesmo, tem um cheiro muito forte, o que fez com que a merendeira da creche que trabalhava na cozinha, após alguns minutos em contato com o odor do produto, se sentir mal. Ela foi levada ao Posto de Saúde, localizado exatamente ao lado da creche, para que fosse atendida e liberada na sequência.

A partir disso a gestora da escola, Luzivânia de Oliveira, para preservar a saúde das crianças que fazem uso da creche, suspendeu as atividades até a próxima quarta-feira, 23, que é a data marcada para conclusão da limpeza no local e completa: “Tivemos o cuidado de interromper as atividades no local para que nenhuma criança ficasse exposta ao produto e pudesse ter problemas relacionados a isso. A empresa nos disse que vai terminar este trabalho até quarta-feira, então voltaremos com nossas atividades no dia seguinte”.

Mesmo com a entrega da limpeza da creche ainda falta muita coisa para as obras serem concluídas, os materiais de construção encontrados na entrada da escola trazem risco às crianças, além do barulho causado pelos trabalhadores no local ainda há o incômodo gerado pela interrupção das atividades nessa semana, pois, muitos pais contam com o funcionamento da creche, para que seus filhos tenham um local adequado para passarem o dia, enquanto trabalham.

Mesmo com a interrupção das atividades, um bebê de 6 meses passou o dia todo na creche, segundo a diretora a mãe da criança trabalha o dia todo e não tem onde deixar a criança e mesmo com o problema gerado pelo uso da resina a criança continuará na creche durante os dias de interrupção das atividades. Apesar de não acolher as crianças nesses dias de limpeza, os funcionários continuarão comparecendo ao local de trabalho todos os dias, já que, como funcionários públicos são obrigados a cumprirem seus horários.

A creche Santa Clara que é coordenada pela Secretaria Municipal de Educação e está em fase final de construção não tem suas obras diretamente fiscalizadas pela prefeitura, pois, a empresa vencedora da licitação tem como obrigação entregar a mesma finalizada, ou seja, a empresa contratada para limpeza do local não foi contratada pela prefeitura, mas sim pela empresa vencedora da licitação.

A equipe de reportagem do Portal O Norte, entrou em contato, com o setor responsável pelas licitações na Prefeitura Municipal de Araguaína nesta manhã de quinta-feira, 17, para saber mais detalhes sobre a obra, como por exemplo quando foi iniciada e qual seria a empresa responsável construção, mas até o momento não obtivemos respostas.

 

AO VIVO