Menu
Busca segunda, 23 de novembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
30ºmax
22ºmin
OPERAÇÃO VIOLETAS

Mãe e filha são presas em Araguaína acusadas de tráfico de drogas

01 maio 2011 - 10h27

Daniel Lélis
Da Redação

 

Por volta das 17h da tarde de sexta-feira, 29, a equipe da Delegacia Especializada em Investigação Criminal (DEIC/NORTE) de Araguaína, prendeu no Posto Fiscal da Pólícia Rodoviária Federal (PRF) localizado na entrada da cidade de Araguaína, Anne Nobrega da Silva, 40 anos, e Juliane Nóbrega de Almeida, 20 anos, sob a acusação de tráfico de drogas. Com elas, foram encontrados 3 kg crack e uma quantia de R$ 1.112,00 em espécie, além de um aparelho celular.

A prisão das duas mulheres aconteceu sob o comando do delegado, Dr. José Anchieta de Menezes Filho, e é mais uma etapa da "Operação Violetas", que já prendeu outras pessoas envolvidas com o tráfico.

De acordo com informações da Polícia, Anne e Juliane, mãe e filha, respectivamente, adquiram a droga na cidade de Goiânia e a traziam para ser comercializada em Araguaína. A droga estava no capô de um veículo GM Montana de cor cinza, ano 2010/2011, placa de Apicum Açu - MA, MWU 6528 que também foi apreendida pela polícia.

Entrevistada pela nossa equipe de reportagem Juliane de Almeida que tem uma filho menor de três anos nega que tenha participação e afirma que vinha apenas acompanhando a mãe e não tinha conhecimento da droga que estava escondida no veículo.

Já anne da Silva, arrependida após ser presa pela polícia, diz que aceitou a proposta de trazer o veículo contendo a droga escondida, por necessidade.

"As duas já vinham sendo investigadas há algum tempo. Desde a cidade de Talismã, no Sul do Estado, a equipe da DEIC, com o apoio da PRF, já as acompanhava. Pouco depois de Colinas, realizamos a abordagem e a prisão das traficantes em flagrante", conta Dr. Anchieta.

O delegado ainda esclareceu que o rumo das investigações aponta para mais prisões de envolvidos com o tráfico de drogas.







 

AO VIVO