Menu
Busca segunda, 28 de setembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
38ºmax
22ºmin
SEM SALÁRIO

Denúncia aponta que merendeiras do Estado não recebem desde janeiro

25 maio 2011 - 08h15

Daniel Lélis
Da Redação


Segundo denúncia feita ao Portal O Norte por uma Auxiliar de Serviços Gerais, que preferiu não se identificar, desde janeiro, muitos profissionais que trabalham em escolas estaduais não recebem qualquer tipo de remuneração.

De acordo com a auxiliar, que exerce função de merendeira numa destas unidades de ensino em Araguaína e recebe cerca de R$ 600,00, ela e muitos outros funcionários que foram recontratados pelo Governo do Estado depois da exoneração em massa de mais de 15 mil servidores em janeiro, estão sem receber desde o começo do ano: “Estamos trabalhando há 5 meses e até agora não recebemos nossos salários”, lamenta ela.

A merendeira conta ainda que a Delegacia Regional de Ensino (DRE) teria informado que o atraso referido teria se dado em razão da não inclusão na folha de pagamento de abril do nome de alguns dos funcionários recontratados: “Eles afirmaram que não tiveram tempo de incluir o meu nome e de outros colegas na folha de pagamento de abril, daí porque ficamos com as mãos abanando”, conta a servidora.


Nossa equipe de reportagem entrará em contato com a Secretaria Estadual de Educação e Delegacia Regional de Ensino (DRE) para obter esclarecimentos sobre o fato.

AO VIVO