Menu
Busca sábado, 29 de fevereiro de 2020
(63) 99292-6165
Araguaína
30ºmax
22ºmin
ARAGUAÍNA

Mototaxistas reivindicam alterações na Lei que regulamenta a profissão

14 junho 2011 - 21h06

Stoff Vieira
Da Redação
 


Na sessão desta terça-feira, 13, alguns representantes da classe mototaxista se reuniram com os vereadores e com o Procurador do Município, Dr. Ronam Garcia, para debaterem assuntos relativos à classe.

Entre os assuntos abordados estava a questão de em caso de falecimento do proprietário da permissão para trabalhar em Araguaína, a família ter direito à vaga, bem como a possibilidade de se criar um grupo de mototaxistas para substituir os proprietários da permissão, em dias de folga.

O vereador Divino Bethânia (PP) sugeriu aos mototaxistas que ao invés de quererem o direito de poder deixar a vaga à família em caso de óbito, fosse feito um seguro de vida por parte dos profissionais. De acordo com o vereador, esta opção seria mais vantajosa.

Eu acredito que esse momento não é mais de mexer na Lei. É momento de sentar, se organizar e buscar apoio junto ao prefeito e governador, para oferecer cursos às famílias dos mototaxistas”, apontou o vereador Gerônimo Cardoso (PP).

Na ocasião, foi abordada também a existência de dois sindicatos dos mototaxistas e a exigência de uma fiscalização efetiva.

Para haver uma fiscalização sobre a classe mototaxista é necessário que fiscalizem também os taxistas de maneira correta”, afirmou o vereador Cleudo Negão (PSDB).

Nossa equipe de reportagem conversou com o Procurador do Município a respeito das reivindicações dos mototaxistas: “Eu acho que é legítima as reivindicações por que fazem parte de defender a categoria, mas infelizmente existem umas reivindicações que esbarram no processo legal, precisa ter cuidado com a legalidade”, afirmou Dr. Ronan Garcia.
 

AO VIVO