Menu
Busca sábado, 24 de outubro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
30ºmax
22ºmin
ARAGUAÍNA PARK

“Nós temos experiência, o outro grupo não é do ramo”, diz Amastha

27 setembro 2011 - 13h19

Dágila Veras
Da Redação


O empresário e diretor do grupo Skipton, Carlos Franco Amastha chegou em Araguaína na manhã desta terça-feira, 27, e entre seus compromissos, participou da solenidade de abertura do evento Agenda Tocantins que acontece no auditório do Instituto Presidente Antônio Carlos (ITPAC).



Logo em seguida, Amastha visitou o plenário da Câmara Municipal acompanhado de Luiz Lessa, um dos empreendedores do loteamento Lago Sul.

Anúncio oficial
O motivo da visita do colombiano esta semana em Araguaína é o anúncio oficial da implantação de um novo shopping na cidade o “Araguaína Park Shopping”, que acontece logo mais às 14h30min na sede da Associação Comercial e Industrial de Araguaína (Aciara).

Em entrevista exclusiva ao Portal O Norte, Amastha revelou pontos polêmicos sobre a decisão de implantar o empreendimento na cidade.

Pesquisa de mercado
O empresário esclareceu que o projeto de construção do shopping vem sendo estudado há anos: “Um investimento deste porte exige uma série de pesquisas prévias de habitantes, circulação de veículos, comércio, enfim, foram quatro anos de pesquisa de mercado para se ter uma real noção da viabilidade do empreendimento, o que foi confirmado com a explosão do crescimento de Araguaína nos últimos anos”.

Local escolhido
Sobre a razão de escolher o loteamento Lago Sul para instalar o shopping, Amastha destaca o fácil acesso com a construção das duas pontes que atravessam o Lago Azul, ligando a cidade de uma ponta à ponta, além da localização que está num ponto alto da cidade oferecendo assim, uma vista panorâmica para o Lago Azul. “Foi uma excelente escolha. O Lago Sul é maravilhoso, um excelente lugar, tanto para morar, quanto para o comércio”, diz.

Dois shoppings
Questionado sobre sua opinião se no momento seria possível a cidade suportar a instalação de dois shoppings centers, tendo em vista que recentemente outro grupo de investidores lançou a construção de um shopping em Araguaína, Amastha foi categórico em afirmar que não: “Definitivamente, em até vinte anos, não cabem dois shoppings em Araguaína” e acrescentou “O outro grupo eu desconheço, não é do ramo”.

Argumentos
O empresário argumentou também algumas razões pelas quais ele acredita que o grupo Skipton será o pioneiro do ramo na cidade, entre eles o fato de estar no mercado há muitos anos e a experiência comprovada com o sucesso na implantação do Capim Dourado Shopping em Palmas. “O Capim Dourado foi uma marco na história do desenvolvimento de Palmas e acredito que obviamente isso traz maior segurança para os araguainenses de que o projeto seja um sucesso”, observa.

O início das obras
Amastha explicou que o lançamento da obra acontecerá em novembro junto com a inauguração da ponte Lago Sul. Na oportunidade também será apresentada as principais lojas do shopping. Já neste momento, os primeiros movimentos giram em torno das documentações exigidas com o objetivo de ter o alvará de construção para dar início às obras em março. A terraplanagem, porém já deve começar ainda em novembro deste ano.

Conclusão
Sobre a conclusão da obra, o colombiano garantiu que deve ser feita em no máximo 24 meses. O empreendimento que tem um orçamento previsto em 150 mihões de reais será feito em uma área de aproximadamente 45 mil metros quadrados e deve gerar cerca de 4500 empregos diretos e indiretos.

Desenvolvimento
Finalizando a entrevista, Amastha afirma que o shopping revolucionará o comércio araguainense . “Uma coisa posso garantir, no prazo de dois anos inauguramos o Araguaína Park Shopping e acredito que podemos somar muito no desenvolvimento de. O shopping será o maior gerador de arrecadação de impostos do município”.

Assista ao vídeodo Portal O Norte em que o empresário Amastha fala sobre o lançamento do "Araguaína Park Shopping" na Câmara Municipal:

 


 

AO VIVO