Menu
Busca terça, 22 de setembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
36ºmax
20ºmin
CONTRÁRIO

Vereador questiona a pressa na aprovação do local para a nova sede

24 outubro 2011 - 16h33

Dágila Sabóia
Da Redação

 

Na manhã desta segunda-feira, 24, o presidente da Câmara Municipal de Araguaína, vereador Elenil da Penha (PMDB) apresentou aos demais parlamentares e público presente, o projeto arquitetônico da nova sede do Legislativo, através de seu idealizador, o arquiteto Natan Fontes.



Posicionamento contrário
Durante a discussão, porém, polêmicas a cerca da escolha do loteamento foram levantadas a princípio pelo vereador Geronimo Cardoso (PSDB), que questionou qual seria o motivo da pressa na instalação da nova sede no Residencial Pedro Borges. Quanto ao seu posicionamento, o parlamentar teve o apoio do Soldado Alcivan (PP) que também defendeu uma maior análise quanto à escolha do local.

Em entrevista ao Portal O Norte, Cardoso defende que “um projeto dessa magnitude tem que ser mais bem estudado, temos que pensar no futuro de Araguaína que não pode continuar crescendo aos trancos e barrancos. A cidade precisa ser planejada, já chega de tanta coisa sendo feita com gambiarra, em locais inapropriados porque hoje temos a possibilidade de planejar".

O aval dos vereadores
Geronimo lembra também, do episódio quando Elenil convidou os pares da casa a visitar a área no residencial Pedro Borges no mês passado: “Nesta manhã o presidente disse que todos os vereadores deram aval para a instalação, mas eu na época não entrei na questão para não parecer que estava levando para o lado pessoal e lembro que na época falei que seria melhor estudar e ver outras áreas”, diz o parlamentar.

Centro administrativo
Ainda em entrevista, Geronimo diz considerar pequena a área escolhida e defende a junção dos poderes públicos em um único local, um centro administrativo, sugerindo: “Já que a prefeitura ainda não se tem previsão de ser construída, façamos então a Câmara numa localização em que a prefeitura também tenha condições de ser construída e assim no futuro os araguainenses tenham orgulho de nossa cidade, com mais um cartão postal como é a Praça dos Girassóis na Capital”.

Irregularidades
Questionado sobre o posicionamento dos vereadores quanto à instalação da Câmara no residencial, mesmo com tantas irregularidades apontadas na reportagem publicada pelo Portal O Norte (leia mais), Geronimo foi incisivo ao afirmar que “A Câmara tem que dar um bom exemplo, passo todos os dias por este loteamento e vejo irregularidades, um poste no meio da rua, ruas que não tem canalização de água da chuva nem rede de esgoto. Então vamos construir a Câmara que de repente daqui a uns dois anos quando estiver pronta, os vereadores podem ser impedidos de entrar
na própria sede porque as ruas vão estar interditadas com o asfalto quebrado para colocar rede de esgoto?
”.


Finalizando a entrevista, Cardoso pede novamente calma na análise e escolha do local e mostra exemplo: “Hoje eu tenho o menor gabinete da Câmara, ele não tem banheiro e são poucos metros quadrados para serem aproveitados e nem por isso acho que devemos sair com tanta pressa pra se construir uma Câmara nova sem fazer um planejamento minucioso”, observa.
 

AO VIVO