Menu
Busca terça, 02 de junho de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
32ºmax
21ºmin
ARAGUAÍNA

Araguaína que está entre as cidades mais violentas terá marcha pela paz

07 novembro 2011 - 08h12

A cidade de Araguaína, localizada a 400 kmde Palmas, no Norte do Tocantins, é considerada nas últimas edições do Mapa da Violência Brasileiro como uma das cidades mais violentas do país. Os dados do relatório, apresentados anualmente pelo Instituto Sangari em parceria com os Ministérios da Justiça e da Saúde, apontam que Araguaína sempre está na lista das principais categorias de violência: homicídios e acidentes de trânsito.

Segundo o Mapa da Violência dos Municípios Brasileiros, confeccionado pela Rede Informação Tecnológica Latino-americana (Ritla), Instituto Sangari em parceria com os Ministérios da Justiça e da Saúde, deixa Araguaína na ponta da lista de uma das cidades mais violentas do Brasil. O estudo analisou a evolução das taxas de óbitos no trânsito das cidades e as mortes nos 5.564 municípios brasileiros.

Mapa 2011
De acordo com o último relatório do Mapa da Violência 2011, Araguaína ficou na posição 97º entre os municípios com 10 mil habitantes ou mais, de 2006 a 2008, em número de homicídios na população total. Araguaína registrou, nos três anos, 160 homicídios, sendo 50 deles em 2006, 43 no ano seguinte, e 67 em 2008, sendo a única cidade do Tocantins até essa posição.

O Mapa da Violência coloca Araguaína também como a 17ª cidade do Brasil em números de acidentes de trânsito na população total. Segundo os números, só em 2006 foram registrados 77 óbitos no trânsito urbano. Já nos anos de 2007 e 2008, os números foram, respectivamente, 65 e 91 mortes no trânsito, totalizando 233 acidentes fatais com vítima. Além de Araguaína, Augustinópolis, na Região do Bico do Papagaio, também desponta na lista, na 8ª posição nacional.

De acordo com o relatório, o número de jovens que perderam a vida em acidentes de trânsito deixou nossa cidade em 40º lugar na posição nacional neste ano. No trânsito de Araguaína morreram, de 2006 a2008, um total de 42 jovens.

Em 2010, entre os anos pesquisados de 2003 a2007, Araguaína também figurou entre uma das mais violentas do país. Na tabela onde demonstra o número de taxas médias de homicídio na população de 0 a 19 anos, Araguaína aparece na 141º posição, registrando um total de 55 homicídios. Na tabela relacionada ao número de taxas médias de homicídios na população de 15 a 29 anos, Araguaína ocupou a 278º lugar no ranking, registrando nos cinco anos um total de 129 homicídios.

Mapa 2008
O Mapa da Violência, em 2008, assegura que nossa cidade, entre os anos estudados de 2002 e 2006, estava relacionada nas categorias dos municípios com maior taxa de homicídios, maior número de homicídios juvenis, maior número de homicídios na população total, maior taxa de óbito por acidentes de trânsito e por armas de fogo.

Segundo o estudo, Araguaína ficou na 156ª posição, na lista das 200 cidades brasileiras com maior número de homicídios na população jovens, sendo a única cidade do Tocantins listada até esta posição. Ainda segundo o estudo, de 2002 a 2006, o município registrou 85 homicídios, gerando assim, uma média de pelo menos 17 homicídios juvenis anualmente.

O relatório aponta ainda que Araguaína estava inclusa também em outra lista. Ela era uma das 200 cidades mais violentas do país, ocupando o 153º lugar entre os municípios com o maior número de homicídios na população total. A pesquisa diagnostica também que, entre os anos de 2002 e 2006, foram registrados 268 homicídios em nosso município, sendo o único do Tocantins nesta categoria. O mesmo total de homicídios fez com que Araguaína despontasse, também, em 247º lugar entre os 500 municípios brasileiros, com maiores taxas médias de homicídio na população total.

Além de estar entre uma das cidades mais violentas do Brasil em homicídios, a cidade de Araguaína está também inclusa na lista das 200 cidades com maiores número de mortes por causa de acidentes de trânsito, segundo o relatório. Ela ocupou a 69ª posição, contabilizando uma taxa média de 85,2, de 2002 a 2006. A nossa cidade também aparece em outra lista que demonstra a negatividade com relação ao número de óbitos por armas de fogo, entre os anos da pesquisa. Dos 200 municípios, Araguaína ficou no 175º lugar, registrando um total de 157 mortes apenas no trânsito. (De: Weberson Dias - Jornalista)

Programação da 1ª Semana pela Paz de Araguaína-TO
 
Domingo
6/11 21:00 h Abertura da 1ª Semana pela Paz com manifestações artísticas (Peça Teatral, Dança e EvangelizaShow) Ministério de Música Boa Nova Praça São Luis Orione

Segunda 7/11 08:00 h Palestra na escola sobre Bullyng, Drogas e Violência Com Sgt. Daniel da Patrulha Escolar Colégio Estadual Marechal Rondon
14:00 h Palestra na escola sobre Bullyng, Drogas e Violência Com Sgt. Daniel da Patrulha Escolar CEM José Aluísio

Terça     08/11 08:00 h Apresentação da Semana da Paz na Câmara de Vereadores de Araguaína-TO; Pe. Márcio Almeida do Prado, Diretor Presidente do Hospital Dom Orione Câmara de Vereadores de Araguaína-TO;
              08/11 08:00 h Palestra na escola sobre Bullyng, Drogas e Violência Cb. Ana Nagyla do 2º BPM de Araguaína-TO CEM Paulo Freire
              08/11 09:00 h Palestra na escola sobre Bullyng, Drogas e Violência Cb. Ederson do 2º BPM de Araguaína-TO Escola Paroquial Luis Augusto
              08/11 15:00 h Palestra na escola sobre Bullyng, Drogas e Violência Cb. Vânia do 2º BPM de Araguaína-TO Escola Estadual Guilherme Dourado
              08/11 16:00 h Palestra na escola sobre Bullyng, Drogas e Violência Cb. Ana Nagyla do 2º BPM de Araguaína-TO Colégio Pré-Universitário
              08/11 19:50 h Palestra na escola sobre Bullyng, Drogas e Violência Cb. Maia do 2º BPM de Araguaína-TO CEM Castelo Branco

Quarta    9/11 09:30 h Palestra na escola sobre Bullyng, Drogas e Violência Cb. Milene do 2º BPM de Araguaína-TO Colégio Estadual Modelo
              9/11 09:30 h Palestra na escola sobre Bullyng, Drogas e Violência Sgt. Castro do 2º BPM de Araguaína-TO Estadual Profº João Batista
              9/11 15:00 h Realização de brincadeiras e dinâmicas na escola Ministério de Música Boa Nova e HDO Creche Mãe de Deus.
              9/11 19:50 h Palestra na escola sobre Bullyng, Drogas e Violência Cb. Maia do 2º BPM de Araguaína-TO Escola Estadual Jardim Paulista

Quinta    10/11 14:00 h Visita aos enfermos Todos os voluntários Hospital Dom Orione
              10/11 18:00 h Entrega de galinhada Todos os voluntários Feirinha

Sexta      11/11 07:00 1ª Marcha pela Paz - Traje: Camiseta branca Toda a comunidade araguainense Concentração em frente ao Hospital Dom Orione a partir das 07:00 h; Saída seguindo pela Av. Cônego João Lima até a Praça das Bandeiras
              11/11 20:00 h Show com a Cantora Adriana Ingressos: Parque de Exposições de Araguaína
Pontos de Venda: Pastoral da Saúde do Hospital Dom Orione; Simone Calçados; Superfeirão da Economia; Secretarias Paroquiais Camarote: R$ 30,00 (com direito a cadeira, próxima do palco); Pista Inteira: R$ 20,00; Pista Meia: R$ 10,00

Sábado  12/11 17:00 Entrega das doações Grupo de Oração Boa Nova Casa de Acolhimento Ana Carolina Tenório

AO VIVO