Menu
Busca terça, 10 de dezembro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
30ºmax
22ºmin
REAJUSTE SALARIAL

HDO reajusta salários e mantém produtividade e insalubridade

31 janeiro 2011 - 15h05

O salário dos colaboradores do Hospital Dom Orione (HDO), o maior Hospital filantrópico do Tocantins, localizado em Araguaína (TO), sofreu um reajuste de 6%.

A informação foi dada por volta das 10h30, da última sexta-feira, 28, pelo Diretor Administrativo do HDO, Marcelo Barbosa César e recebida por gerentes e coordenadores do Hospital, no Centro de Estudos da Instituição.

A boa nova deve ser repassada para todos os colaboradores e a regularização do subsídio já começou a ser efetuada pela Unidade Hospitalar a partir de 1º de Janeiro de 2011. “O Hospital decidiu em função das políticas de remuneração, no sentido de dar ao colaborador maior ganho e com o objetivo que ele tenha a satisfação em trabalhar na nossa unidade” explicou o Diretor Administrativo.

Durante a reunião, o Diretor falou que o índice de reajuste sugerido pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA/IBGE) foi de 5,91% e o percentual do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Tocantins (Sintras-TO) foi sugerido o de 4,98%. Uma reunião anterior, com todos os membros da Diretoria, havia deliberado um reajuste para os colaboradores de nossa organização de 6%, porcentagem além dos valores indicados pelo IPCA e Sintras. Além do reajuste, foi mantida também a insalubridade e a produtividade dos colaboradores de cada setor, conforme tabela disposta no Departamento de Recursos Humanos (RH).

CÁLCULO
A base de cálculo foi fundamentada no novo mínimo de R$ 540,00, sancionado em 1º de Janeiro deste ano, ao qual serão adicionadas produtividade e insalubridade a todos os colaboradores. “Vejo isso como uma ação importante de demonstração de respeito e até mesmo uma forma para que os colaboradores possam entender isso como um avanço” lembrou ele, assegurando também que o Hospital está aguardando a definição do salário mínimo para 1º de Fevereiro de 2011, por parte do Governo Federal, que poderá aumentá-lo para R$ 545,00. (Com informações da Ascom HDO)


AO VIVO