Menu
Busca terça, 07 de julho de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
34ºmax
20ºmin
ENTREVISTA

Dimas adianta posição sobre reabertura ou não do comércio em Araguaína

28 maio 2020 - 18h30

O prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas, fará nesta quinta-feira, 28, às 19 horas, mais uma reunião online de trabalho com a equipe de técnicos do Município e representantes das mais de 22 instituições de diversos segmentos sociais, de saúde, segurança, economia entre outros, que compõem o conselho de combate à doença. Ao Portal O Norte, ele adiantou alguns temas que serão discutidos. 

Entre os assuntos da reunião, o destaque é para a discussão sobre a reivindicação dos empresários para o retorno da abertura do comércio de Araguaína. “Seguimos trabalhando no combate a covid-19 reforçando nossa capacidade de atendimento, testagem, leitos e outras ações, mas, sem esquecer dos outros setores como a economia que enfrenta, nesse momento, diversos problemas com essa realidade”, disse o Prefeito Ronaldo Dimas.

Ainda de acordo com Dimas, a reunião pretende avaliar as condições do retorno responsável desse setor, discutindo o compromisso por parte dos comerciantes e de toda população. O encontro será transmitido ao vivo na fanpage da Prefeitura de Araguaína no Facebook.

Entrevista

Às vésperas da reunião de hoje, Ronaldo Dimas conversou com nossa reportagem. Em relação à flexibilização do comércio, o prefeito deixou claro que: "Ainda não há uma decisão nesse sentido, ontem a possibilidade era maior que hoje", disse destacando a oscilação nos números de notificados diariamente no Boletim dos últimos dias. 

O prefeito afirma estar consciente da dificuldade econômica enfrentada pelos empresários locais, mas ressalta que a questão é complexa, especialmente diante da demanda por leitos nas unidades hospitalares da cidade, que é referência para o atendimento do novo Coronavírus não só para moradores da cidade mas de toda a região Norte do Estado.

No que diz respeito à instalação de novos leitos, o prefeito afirma que a situação evoluiu mais no Hospital e Maternidade Dom Orione (HMDO), onde estão disponíveis 16 leitos de UTI e 29 clínicos para atender pacientes diagnosticados com Covid-19. "Hoje tentamos falar com o secretário estadual de Saúde para ver como estão as programações previstas neste sentido".

O prefeito destacou o trabalho que está sendo feito no Hospital Municipal de Campanha (HMC), que atualmente conta com 20 leitos clínicos adaptados com suportes respiratórios. O gestor afirma que a intenção é de que na próxima semana sejam instalados mais 10 leitos na unidade, possivelmente de UTIs. O prédio tem capacidade para a implantação de até 40 leitos. 

Ainda sobre a reabertura gradual do comércio, Dimas garante que tudo está sendo analisado de forma criteriosa, mas que não deve acontecer ainda esta semana. "Vamos esperar os próximos dias para apresentarmos uma decisão sobre o assunto e quem sabe na semana que vem tenhamos um cenário mais favorável para isso", observou. 

Transparência

Esta já é a sexta reunião on-line transmitida pelas redes sociais da Prefeitura em que são discutidas as medidas adotadas pelo Município no combate à covid-19. As outras lives foram realizadas nos dias 13, 25 e 27 de abril e nos dias 7,11 e 23 de maio, sendo a última transmitida para atualizar sobre a covid-19 no Município e discutir a legislação local após o fim do “lockdown” decretado pelo Estado, entre os dias 16 a 23.

Na reunião do sábado 27, ficou esclarecido que o funcionamento do comércio retornaria para recebimento de vendas a crédito, vendas digitais ou por telefones para entrega ou retirada do produto, como era previsto no Decreto Municipal 223/20. Já o isolamento social evoluindo para proibição total de reuniões familiares.

O link para ter acesso à reunião desta quinta-feira é https://bit.ly/2LhIFk3

Casos da Covid-19

A Prefeitura de Araguaína divulgou nesta quarta-feira, 27, gráfico que mostra uma queda na curva de crescimento dos casos de covid-19 na cidade. Desde o dia 24, os casos contabilizam menos de cem novas contaminações pelo coronavírus. No dia 21, foram 133 novos casos, o maior número registrado depois do primeiro caso, em 27 de março.

No dia 22 de maio, após o pico no número de casos, os registros foram de 116 novas confirmações. No dia 23, foram 54 novos casos da doença, dando uma subido para 77 no dia 24, mas voltando a cair no dia 25, com 57 confirmações para covid-19.

O boletim, que traz os dados de terça-feira, 26, foram somente 39 novos casos confirmados da doença em Araguaína. A cidade contabiliza 1.310 casos positivos, sendo desses 693 pessoas que ainda estão se recuperando, 600 já recuperados e 17 mortes. Já o boletim desta quinta-feira, 28, registrou 100 novos casos e 63 novos recuperados, contabilizando 663 pessoas que venceram a doença.

AO VIVO