Menu
Busca sábado, 24 de julho de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
34ºmax
19ºmin
SE TRATAVA EM CASA

Defensora do tratamento precoce, cantora gospel morre vítima da Covid

17 junho 2021 - 11h45

Cristiane Ferr, cantora gospel de 48 anos, morreu na última semana de complicações da Covid-19. A artista defendia o uso de medicações comprovadamente ineficazes contra a doença. De acordo com a Folha de São Paulo, Cristiane testou positivo e começou a se tratar em casa, mas precisou ser hospitalizada. 

A cantora usava as redes sociais para defender o uso de hidroxicloroquina, ivermectina e azitromicina, remédios que não têm eficácia comprovada no combate à Covid-19.

Se você tomou ivermectina, azitromicina ou hidroxicloroquina poste no Facebook, e se não precisou tomar e é a favor, poste que é a favor. Seremos a maioria. Vamos forçar as prefeituras a começarem a prevenção urgente. E fazer a distribuição gratuita”, escreveu. Os pulmões de Cristiane ficaram muito comprometidos por causa da doença e ela não resistiu.

*As informações são da IstoÉ Gente.

AO VIVO