Menu
Busca quarta, 08 de dezembro de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
30ºmax
23ºmin
PRONATEC

Detentos de unidade prisional do Tocantins se formam em curso para pedreiro

18 outubro 2021 - 10h01Por Secom

Para ofertar capacitação e profissionalização às pessoas privadas de liberdade, além de fomentar o trabalho, gerar renda e remir pena, a Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), inaugurou, nessa sexta-feira, 15, o Espaço Multiuso Novo Tempo e a Fábrica de Artefatos e Blocos de Concreto na Unidade Penal de Guaraí. Na ocasião, a Pasta, em parceria com a Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), realizou a formatura de 15 pessoas privadas de liberdade no Curso Profissionalizante de Pedreiro, por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

O superintendente de Administração dos Sistemas Penitenciário e Prisional do Estado do Tocantins, Orleanes Alves, falou durante o evento sobre a parceria com a Seduc e com a Justiça para o fortalecimento das atividades laborais e profissionalizantes no sistema penal. “Tem sido um novo tempo para o sistema penal e a parceria com a Seduc e com o Poder Judiciário tem ampliado as possibilidades de cursos e capacitação, possibilitando que nossos projetos e ações sejam efetivos em prol da reinserção social", discursou.

A gerente de Reintegração Social, Trabalho e Renda ao Preso da Seciju, Renata Duarte, explicou sobre a efetivação da pactuação de ambas as Pastas em prol da capacitação nas unidades penais do Estado. "Estamos felizes pois este é o penúltimo curso a ser aplicado este ano, ou seja, estamos dentro do cronograma, conseguindo executar o recurso público e alcançando nosso objetivo dentro da política penal", afirmou.

O chefe da Unidade, Nuriam Miranda, destacou a dedicação dos custodiados formados. "Eu tenho certeza que vocês estão preparados para atuar em uma área que está sempre em alta no País e também para contribuir com seus colegas em suas unidades. Aproveitem a oportunidade que lhes foi dada, pois vocês estão qualificados e os serviços dos senhores serão muito bem-vindos na sociedade”, concluiu.

Representando a Defensoria Pública do Tocantins, integrante do Sistema de Justiça, a defensora pública Luciana Braga ressaltou que tem visto grande mudança na execução penal. "Teve tanta transformação, tudo isso em função da dedicação dos profissionais que participam desses projetos. Eu parabenizo a todos, porque eu tenho visto a realização daquilo que foi escrito há anos", disse.

De professor para professor

Em nome da Seduc, a Pasta ofertante do curso, a professora Maria Rita Amaral, convidou o professor João Henrique Campos para homenageá-lo no Dia do professor.  "Este curso é muito especial, pois vocês aprenderam e ensinaram. A educação é um grande legado. E ressalto que nós da Seduc estamos satisfeitos com esta parceria", afirmou.

O Curso

O Curso foi ministrado durante 30 dias para custodiados, gerando certificação de 200 horas/aula. O professor João Henrique Campos, que ministrou as aulas, foi selecionado para atuar nesse curso e é um egresso do sistema penal. "Tivemos aulas teóricas e práticas e ensinei tudo conforme o material. Eles aprenderam a preparar argamassa, pintar, assentar tijolo e cerâmica, fazer chapisco e muitas outras coisas", explicou.

O custodiado,  A.P.S., afirmou que se sente preparado para atuar no mercado de trabalho.  "Qualquer um de nós já pode trabalhar.  Eu tô feliz de ter feito este curso.  Foi uma chance que me deram e que vai me permitir trabalhar com dignidade", finalizou.

Formaram-se custodiados das Unidades Penais de Araguaína, Barrolândia, Colmeia, Miracema, Gurupi, Palmas, Palmeirópolis e Guaraí.

Inauguração

Na ocasião, ocorreu também a inauguração de mais um Espaço Multiuso Novo Tempo e de uma nova Fábrica de Blocos e Artefatos de Concreto, que permitirá a ampliação da qualificação dos presos da Unidade Penal de Guaraí e de outras unidades, por meio da regionalização.

A implantação da Fábrica e do Espaço por meio do programa Novo Tempo, contou com a parceria do Tribunal de Justiça do Tocantins, por meio da 1ª Vara Criminal/Execuções Penais de Guaraí, que doou o maquinário para a Fábrica, após apresentação de um projeto pela Gerência de Reintegração Social da Seciju, que também teve fotos favoráveis do Ministério Público Estadual e Defensoria Pública do Tocantins.

 

AO VIVO