Menu
Busca segunda, 25 de maio de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
33ºmax
22ºmin
ARAGUAÍNA

"Ele era muito saudável não dá pra acreditar", diz cunhada de educador que morreu após contrair Covid-19

13 maio 2020 - 19h27Por Redação

O Portal O Norte conversou com uma cunhada de Garcia Borges Carneiro, colaborador de um colégio particular de Araguaína e que faleceu hoje, vítima de Covid-19

Garcia Carneiro tinha 48 anos e trabalhava no setor financeiro do Colégio Adventista.  Ele faleceu na tarde de hoje (13), no Hospital e Maternidade Dom Orione (HMDO). Com a morte dele, Araguaína soma 4 óbitos em menos de 24 horas. Um total de 22 mortos confirmados até o momento no Tocantins. 

Em entrevista à nossa reportagem, Joelma Lima, cunhada de Garcia, disse que no último dia 3, o educador começou a sentir os primeiros sintomas da doença e precisou ser internado na segunda-feira (11), seu quadro de saúde se agravou e ele foi parar na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital e Maternidade Dom Orione (HMDO) e não resistiu. 

"Ainda estamos sem acreditar! Meu cunhado era uma pessoa saudável, não tinha nenhuma doença crônica, gostava de praticar esportes, como futebol e fazia caminhada regularmente com a esposa", afirma Joelma destacando que a família não tem ideia de como ele possa ter sido contaminado : "Ele respeitava o isolamento e nos advertia sobre a doença sempre, não sabemos como ele pegou esse vírus maldito", garante a cunhada. 

Joelma disse que sua irmã, Marlucia Lima Borges, está muito abalada com a morte do marido: "Ela ainda está em estado de choque e em quarentena sem poder se despedir nem velar o corpo", lamenta.

A cunhada lembrou da personalidade de Garcia e disse que ele deixa boas lembranças: "Uma pessoa maravilhosa, alegre, ótimo pai, marido exemplar, ótimo profissional". Ele deixa a esposa com quem era casado há mais de 10 anos e dois filhos de 17 e 19 anos. 

 

AO VIVO