Menu
Busca sexta, 20 de setembro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
36ºmax
23ºmin

Contrariando Ibope, Stylo diz que indecisos definiram eleição

02 outubro 2010 - 10h50

Um fenômeno incomum vai marcar a escolha do próximo governador do Tocantins: os dois únicos candidatos, Carlos Gaguim (PMDB/Coligação Força do Povo) e Siqueira Campos (PSDB/Coligação Tocantins Levado a Sério), precisam conquistar o eleitores que ainda não decidiram a quem vão dar o seu voto para garantir assento na cadeira máxima do Executivo Estadual.

Carlos Gaguim, que liderou todas as pesquisas desde o final de julho, teve sua dianteira ameaçada pela primeira vez, com a perda de pontos importantes e aproximação de Siqueira Campos, que depois do verdadeiro vendaval que varreu a política tocantinense nos últimos dias, viu seu nome crescer entre o eleitorado.

Nesta quinta rodada de pesquisas realizada pelo Instituto Stylo de Comunicação (Promotion – Editora, Eventos e Promoções Ltda), realizada entre os dias 28 de setembro e 1º de outubro, a preferência do eleitor mudou substancialmente e o que parecia ser uma vitória tranqüila para Carlos Gaguim tornou-se uma corrida de última hora pelos eleitores. Agora, Carlos Gaguim aparece com apenas 47,97% da preferência do eleitorado, contra 43,25% daqueles que optaram pelo nome de Siqueira Campos.

A pesquisa configura empate técnico, já que a margem de erro da pesquisa é de 3% para mais ou para menos. Com isso, Carlos Gaguim varia entre 44,95% e 50%,97. Já o candidato Siqueira Campos varia entre 40,25% e 46,25%. Optaram pelo voto em branco 1,76%, enquanto outros 7,03% não quiseram ou não souberam responder.

Por contemplar apenas os candidatos ao cargo de governador, a pesquisa foi registrada apenas no Tribunal Regional Eleitoral – TRE, sob o número 17585/2010. A margem de confiança é de 95%. A pesquisa foi realizada em 35 cidades das regiões Sul, Sudeste, Central, Centro-Norte e Bico do Papagaio. (leia na integra: www.portalstylo.com.br)


Ao Vivo