Menu
Busca quinta, 24 de setembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
37ºmax
23ºmin
SEMINÁRIO

Comissão anuncia Seminário para a 17ª Semana do Meio Ambiente

04 maio 2011 - 12h28

Em reunião realizada na última terça-feira, 3, na sede da Secretaria do Desenvolvimento Sustentável, a comissão organizadora da 17ª Semana do Meio Ambiente anunciou as principais temáticas do Seminário “Biodiversidade e Desenvolvimento Sustentável”.

O Seminário será organizado em três painéis que abordarão a relação da biodiversidade com três eixos: mudanças climáticas, florestas e responsabilidade socioambiental. Segundo a diretora de desenvolvimento sustentável e meio ambiente da Secretaria, Eliana Pareja, os temas contemplam as principais questões ambientais demandadas pelos integrantes da comissão organizadora da Semana.

Lixo e queimadas, por exemplo, são dois problemas que merecem bastante atenção porque atingem diretamente a população e isso nós vamos discutir no Seminário”, revelou Pareja. Ela explicou que os painéis pretendem levantar os problemas, mas também apontarão possíveis soluções viáveis para a realidade das cidades.

Florestas
Outro assunto que deverá ter ênfase no Seminário é sobre as florestas. “Este é o ano internacional das florestas e iremos dar a nossa parcela de contribuição para que as pessoas reflitam sobre isso”, disse Eliana Pareja.

Dentro deste tema, o Seminário vai discutir o Novo Código Florestal Brasileiro, que está prestes a ser votado na Câmara dos Deputados. Também haverá discussão sobre os serviços ambientais gerados a partir da conservação de florestas, a exemplo do pagamento por crédito de carbono, cujo serviço já é explorado por algumas ONGs tocantineses.

Semana do Meio Ambiente
A 17ª Semana do Meio Ambiente acontece entre os dias 06 e 10 de junho em Palmas e em diversos municípios do interior. A comissão organizadora está fechando a programação e as estratégias para expansão das atividades, que deverão contar especialmente com a participação das Diretorias Regionais de Ensino da Secretaria da Educação e dos escritórios regionais da Ruraltins e da Naturatins, para envolvimento de alunos, comunidades e associações rurais de todo o Estado. A articulação também inclui prefeituras do entorno de Palmas, que deverão replicar os principais pontos da programação em suas cidades.

Estiveram presentes na reunião representantes da Secretaria da Educação, Secretaria da Cultura, Secretaria da Comunicação, Secretaria da Juventude, Agência Tocantinense de Saneamento, Naturatins, Unitins, Ministério Público Estadual, Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Serviços Públicos, Secretaria Municipal de Educação, Investco, Celtins, Saneatins, Instituto de Desenvolvimento Ambiental e Humano da Região Amazônica - IDAHRA e representantes das prefeituras de Miracema e Porto Nacional. (Da Secom)

AO VIVO