Menu
Busca domingo, 12 de julho de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
35ºmax
21ºmin
DENÚNCIA

Aragão questiona contratos temporários do governo estadual

09 junho 2011 - 16h53

Durante sessão ordinária realizada nesta quinta-feira, 9, o deputado estadual e líder do bloco PPS-PSB, Sargento Aragão (PPS) usou tribuna para denunciar os contratos temporários que o governo estadual tem realizado nos últimos meses e afirmou que irá protocolar a denúncia no Ministério Público Estadual e Federal para investigação.

Segundo o parlamentar, “mais de 2 mil contratos foram feitos e publicados no Diário Oficial nos meses de abril e maio, mas no total já deve passar de quatro mil contratados”, destacou o parlamentar afirmando que todos os dias novos extratos de contratos são publicados no Diário Oficial do Estado.

Aragão destacou ainda que as contratações são irregulares em relação a lei federal nº 8745/93 e também a lei estadual nº 1978/08, que permite a contratação em caso de necessidade temporária de excepcional interesse público, que segundo o artigo 3º da lei estadual considera que o caráter dessa contratação deve ser para assistir em situações de calamidade pública, combater surtos endêmicos e situação de emergência declarada pelo Poder Executivo.

O parlamentar também falou sobre a nomeação dos delegados Adriano Carrasco e Celina Ribeiro, que estão à frente da operação Inconfidente da Polícia Civil. Aragão citou que convocará a Comissão de Segurança Pública, e convidar os delegados para prestarem esclarecimentos sobre as dúvidas que pairam sobre a nomeação dos delegados. (Ascom/Polyana Pegoraro)

 

AO VIVO