Menu
Busca segunda, 21 de setembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
37ºmax
21ºmin
ILEGALIDADE

Ibama multa Júnior Coimbra em R$ 3 milhões por queimada em fazenda

04 agosto 2011 - 12h24

O Ibama multou em mais de 3 milhões de reais, o deputado federal Raimundo Coimbra Júnior, do PMDB-TO, por destruir com uso de fogo 153 hectares de floresta nativa amazônica em regeneração na fazenda Vale da Cachoeirinha, localizada na Área de Proteção Ambiental (APA) Triunfo do Xingu, em São Félix do Xingu, no Pará. As informações são do portal ORM, do Pará.

Apesar de ter sido eleito pelo Tocantins, estado onde mora, o parlamentar é pecuarista no sudoeste paraense. Segundo declarou à Justiça Eleitoral, possui na região 800 cabeças de gado e a fazenda, avaliada em R$ 2 milhões. Além de multado, Coimbra Júnior teve cinco motosserras apreendidas pela fiscalização ambiental. Os fiscais também embargaram todas as atividades que impedem a regeneração da floresta na área queimada ilegalmente na propriedade, principalmente a pecuária.

Segundo o portal ORM, Júnior Coimbra já foi autuado outras duas vezes por desmatamento pelo Ibama. As multas foram em 2005, mas ainda estão sendo contestadas pelo deputado. A primeira foi de R$ 436,9 mil, que o parlamentar tenta cancelar judicialmente, e a segunda, no valor de R$ 291,3 mil, teve recurso apresentado ao Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama), o que era possível à época. (Do Portal CT)

AO VIVO