Menu
Busca sábado, 26 de setembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
35ºmax
23ºmin
PROJETO

Siqueira promete que Projeto Sampaio estará pronto em outubro de 2012

06 novembro 2011 - 11h08

A economia das cidades que compõem o Bico do Papagaio deve sofrer uma transformação a partir de outubro de 2012. Essa foi a promessa feita pelo governador Siqueira Campos para inauguração do Projeto de Irrigação Sampaio. As ordens de reinício das obras foram assinadas na manhã deste sábado, 5, no canteiro de obras da Egesa, na cidade de Sampaio.

A partir de agora, as empresas responsáveis pela construção e instalação do projeto receberão recursos do Ministério da Integração Nacional e do Governo do Estado para concluir as obras. À Egesa cabe concluir as obras civis do projeto, como a montagem dos equipamentos de irrigação. A empresa Magna Engenharia fica responsável pelo gerenciamento, assistência técnica e fiscalização das obras e a LM Consultoria deve executar os programas ambientais.

Siqueira Campos lamentou a paralisação do projeto e pediu confiança aos empresários e produtores. “Não sabemos o que aconteceu no passado e porque a obra ficou parada tanto tempo já perto de ser concluída. Mas voltei para tocar o projeto Sampaio e quero vir aqui para comer das frutas produzidas na região”, comentou o governador do Estado, acrescentando que o Tocantins tem terras extensas e água em abundância e os braços precisam começar a produzir. “A região do Bico é muito carente. Precisamos de desenvolvimento, para que as famílias possam viver com dignidade e tenham mesas fartas. Queremos que o projeto abasteça cidades tocantinenses e também de outros estados”, disse.

O secretário da Agricultura, da Pecuária e do Desenvolvimento Agrário, Jaime Café, argumentou que o projeto beneficiará diretamente os municípios de Sampaio, Carrasco Bonito, Augustinópolis e Praia Norte, mas refletirá em toda a região Extremo Norte do Estado. “O projeto vai desenvolver toda a região, impulsionando a economia e dando novas oportunidades para as comunidades crescerem”, falou.

Vários prefeitos e vice-prefeitos das cidades circunvizinhas acompanharam a solenidade de reinício das obras do projeto Sampaio, dentre eles o prefeito de Sampaio, Luiz Anacleto da Silva, que reconheceu a importância do projeto para a cidade. “Queremos ver essa obra terminada e tudo funcionando direitinho. As expectativas são as melhores possíveis”, disse.

Projeto
Sampaio prevê o desenvolvimento da cultura de frutas e grãos na região do Bico do Papagaio, através do projeto de irrigação. São 1.046 hectares de área, sendo mais de 670 hectares voltados para cultura de grãos e outros 370 para frutas. Ao todo, serão investidos R$ 16.800.000,00, sendo 51% do MI e 49% oriundos dos cofres estaduais. Cerca de R$ 5.830.000,00 milhões já foram liberados para concluir os 15% das obras que ainda restam para finalizar o projeto. A obra foi iniciada em 2001 e está paralisada desde novembro de 2009, sobretudo, por questões burocráticas e ambientais. Já foram investidos no projeto R$ 114 milhões. (Do Folha do Bico)

AO VIVO