Menu
Busca sexta, 20 de setembro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
36ºmax
23ºmin
TOCANTINS

Fechamento de unidades da Adapec é adiado e Sisepe acompanha realocação de servidores

02 agosto 2019 - 08h40

O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos no Estado do Tocantins (SISEPE-TO), Cleiton Pinheiro, se reuniu nesta quinta-feira, 1º, com o presidente da Adapec, Alberto Mendes da Rocha, para discutir o fechamento de 23 unidades do órgão, gerando a realocação de 49 servidores públicos concursados. O fechamento que ocorreria nesta quinta-feira (1º) foi adiado para 1º de setembro, pois ainda está sendo discutidas as realocações dos servidores.

O presidente da Adapec, antes de fazer a realocação dos servidores, visitou cada unidade e discutiu sobre o fechamento, dando opção para aqueles que desejam permanecer no município ser lotado em outro órgão do Estado. Dos 49 servidores impactos, 19 são fiscais e inspetores de defesa agropecuária – quadro próprio da Adapec – que serão realocados na nova barreira fixa de Sampaio, nos escritórios dos municípios vizinhos e nas barreiras móveis. Os 30 servidores do Quadro Geral já foram ouvidos, com a participação do SISEPE-TO, sobre suas novas lotações.

“O presidente Alberto garantiu que os servidores não terão prejuízos e que a Adapec acompanhará todo o processo das novas lotações. O fechamento dessas unidades foi bastante planejado e discutido, onde parabenizamos a atuação cautelosa do presidente do órgão. O prazo de fechamento dessas unidades encerrou dia 31 de julho, mas ainda temos servidores que não foram realocados e por isso foi dado um prazo de mais 30 dias para finalizar o processo”, explica Cleiton Pinheiro.

Vale detalhar que os servidores do Quadro Geral, representados pelo SISEPE-TO, não tem um município de lotação definido no concurso, mas é preciso considerar que eles trabalham há anos no mesmo município, onde têm família, casa própria, filhos estudando, parentes enfermos. “O SISEPE-TO está acompanhando caso a caso e auxiliando os servidores sindicalizados”, finaliza o presidente do SISEPE-TO.

Ao Vivo