Menu
Busca quinta, 28 de outubro de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
35ºmax
21ºmin
ADETUC

Estado articula profissionalização do turismo na Ilha do Bananal

15 julho 2021 - 08h48Por Secom

A Agência do Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc) realizou nesta quarta-feira, 14, reunião com representantes dos municípios inseridos na Região Turística da Ilha do Bananal, no auditório da Câmara Municipal de Peixe, para tratar da implementação da Instância de Governança Regional (IGR). Este é um dos critérios para integrar ou permanecer no Mapa do Turismo Brasileiro, criado pelo Ministério do Turismo (MTur) para nortear o desenvolvimento das políticas públicas, tendo como foco a gestão, a estruturação e a promoção do setor turístico de forma regionalizada e descentralizada.

"É um instrumento que favorece a organização dos municípios e a profissionalização do turismo", ressaltou Kleiryanne Aguiar, gerente de Produtos Turísticos. Ela lembrou que a IGR da Ilha do Bananal será a segunda Instância institucionalizada no Tocantins com a assessoria da Adetuc.

A gerente Kleiryanne Aguiar também reforçou que, em 2019, foi criado o Fórum Regional de Turismo da Ilha do Bananal que, apesar de ainda não possuir caráter jurídico conforme exige o MTur, já sinaliza o esforço dos poderes públicos e dos demais setores para a organização do turismo na região.

O assessor jurídico da Adetuc, Paulo Leniman, esclareceu dúvidas dos participantes e destacou o papel de articulação e assessoramento do Estado. "É preciso seguir as legislações municipais, estadual e federal, para que o Poder Público seja parceiro, mas a criação de uma entidade de direito privado vai dar impulso às ações", explicou.

O assessor jurídico defendeu a importância da parceria público-privada para a consolidação da IGR e o desenvolvimento de planos e estratégias. "Vamos dar assistência em toda a fase de formatação", pontuou. Paulo Leniman indicou que os municípios precisam aderir formalmente ao Programa de Regionalização do Turismo e alterar a Lei Orçamentária Anual para ampliar os investimentos no setor.

Repercussão

O encontro foi bem recebido pelos participantes. "Essa união vai envolver outras entidades e atrair mais empresários. O desenvolvimento do projeto turístico da Ilha do Bananal vai impactar no recolhimento de impostos, todos vão sair ganhando", afirmou Marcelo Zanella, empresário do ramo da hotelaria e integrante da Associação Comercial de Gurupi (Agig).

O proprietário de um clube e hotel em Lagoa da Confusão, Rogério Leocádio, enfatizou que o turismo e a indústria são os setores que mais se desenvolvem no mundo e que voltarão a crescer com o controle da pandemia da Covid-19. "É de suma importância o envolvimento dos empresários do segmento", completou.

Rosilene Pereira (Rosa de Fogo), secretária de Turismo de Peixe, pontuou que a regional da Ilha do Bananal tem grande força e que o cenário turístico precisa ser fortalecido para os próximos anos. O prefeito Augusto Cézar Pereira dos Santos (Cezinha) participou da segunda parte do encontro.

Regina Oliveira, secretária da Associação de Artesãos de Peixe (Art Peixe), ressaltou seu otimismo em relação à consolidação da IGR, elogiou o potencial de todos os municípios da região e citou a importância do turismo religioso local. Da mesma cidade, o empresário Gledston Vaz ressaltou a necessidade de qualificação da mão de obra local que, em sua opinião, deverá ser uma das prioridades da IGR.

O presidente da Associação Indígena Javaé da Aldeia Barreira Branca, cacique Valdemir Filho Javaé, enfatizou que também está aberto a parcerias. "Vamos ter oportunidade de mostrar belezas naturais, cultura, artesanato e comidas típicas", disse, ao revelar que já possui um plano de Etnoturismo para apresentar. A Aldeia Barreira Branca fica em Sandolândia.

O encontro foi finalizado com a formação de uma comissão provisória, com representantes de todos os municípios, e o encaminhamento das próximas atividades, que incluem o repasse de modelos de estatutos e minutas de leis; a videoconferência com uma IGR de Santa Catarina, para apresentação de um modelo de gestão de sucesso; e as reuniões de sensibilização com os vereadores de cada município.

Outras atividades

Além de participar da reunião sobre o IGR da Ilha do Bananal, os técnicos da Adetuc também atuaram para realizar a inventariação turística, a mobilização para novas adesões ao Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur) e a verificação da manutenção dos protocolos de prevenção à Covid-19, que dá direito ao Selo TO Seguro.

"Com a parceria da Prefeitura de Peixe e dos demais municípios, a Adetuc promoveu uma grande mobilização na Região Turística da Ilha do Bananal e, com certeza, colheremos grandes resultados", comemorou o presidente da Adetuc, Jairo Mariano, confirmando que levará o balanço da ação ao governador Mauro Carlesse.

O assessor jurídico da Adetuc, Paulo Leniman, explicou que o papel do Governo é de articulação e assessoramento - Seleucia Fontes/Governo do Tocantins

 

AO VIVO