Menu
Busca domingo, 05 de abril de 2020
(63) 99292-6165
Araguaína
32ºmax
23ºmin
APPLE

Morre aos 56 anos o fundador da Apple, Steve Jobs

06 outubro 2011 - 08h23
A Apple informou nesta quarta-feira que o ex-executivo-chefe da empresa, Steve Jobs, morreu. Jobs enfrentou uma dura batalha contra o câncer e se afastou da direção da empresa no fim de agosto.

Jobs revolucionou ao menos três mercados bastante diferentes em apenas dez anos: o musical, com o iPod, o de telefonia, com o iPhone, e o de computação móvel, com o iPad.

Isso sem falar nos computadores Mac, que influenciaram bastante os produtos da Microsoft, rival direta que desenvolve o sistema operacional Windows. E também não dá para esquecer do cinema: o primeiro longa metragem produzidos inteiramente com computação, Toy Story, foi produzido quando Steve Jobs era o chefe do estúdio Pixar, também responsável por outros sucessos como Vida de Inseto e Procurando Nemo.

Sua última aparição em público foi em junho deste ano, durante o lançamento do iCloud, serviço que permite ao usuário armazenar gratuitamente todo seu conteúdo musical e descarregá-lo automaticamente de qualquer aparelho eletrônico da Apple.

Visivelmente mais magro, Jobs havia aparecido em público pela última vez em março, quando lançou o tablet iPad 2.

Jobs, de 56 anos de idade, se afastou da Apple duas vezes em dois anos. Além dessa saída no início deste ano, em 2009 ele tirou uma licença para tratar da saúde e foi submetido a um transplante de fígado. Em 2004, o executivo travou uma batalha contra um câncer de pâncreas.

Fundador da empresa, Jobs é considerado o responsável pelas revoluções causadas pela Apple em vários mercados na última década, como a criação do iPod, que mudou drasticamente o mercado musical, do iPhone, responsável por alavancar o setor de celulares inteligentes, e, mais recentemente o tablet iPad. (R7)

AO VIVO