Menu
Busca terça, 26 de maio de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
29ºmax
22ºmin

Aeroporto de Brasília é recordista de reclamações nos juizados do CNJ

24 dezembro 2011 - 09h36

O aeroporto Juscelino Kubitscheck, em Brasília, foi o recordista de reclamações nos juizados especiais do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) entre os meses de janeiro e novembro de 2011. Nos primeiros 11 meses do ano foram registradas 7.812 queixas no Distrito Federal, quase mil a mais do que no segundo colocado, o aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, que teve 6.864 reclamações.

De acordo com o CNJ, a maioria dos problemas são relacionados a overbooking, atrasos e cancelamento de voos, além de extravio, violação e furto de bagagens. Dados do conselho mostram que 16% das queixas registradas no DF resultaram em acordos.

Os juizados funcionam também nos aeroportos do Galeão (RJ), que teve 6.275 reclamações; em Cumbica (SP), que teve 1.782 queixas; Congonhas (SP), com 421 queixas, e em Marechal Rondon (MS), onde 129 passageiros fizeram alguma reclamação.

Os postos avançados dos juizados especiais em aeroportos foram instalados em 2010 com o objetivo de promover a conciliação de conflitos. Neles, o passageiro pode registrar suas queixas sem a necessidade de procurar um advogado. (G1)

AO VIVO