Menu
Busca quinta, 13 de agosto de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
35ºmax
21ºmin
NOVO MERCADO

Las Vegas se rende às grandes ligas dos esportes americanos

14 julho 2020 - 21h43

 

Um dos principais polos turísticos dos Estados Unidos, Las Vegas tem se movimentado muito nos últimos anos para também ser uma cidade de relevância no meio esportivo. Não por acaso, o município do Estado de Nevada abriu as suas portas para três franquias que pertencem às grandes ligas americanas em um espaço de três anos: Vegas Golden Knights (NHL), Las Vegas Raiders (NFL) e Las Vegas Aces (WNBA).

Vegas Golden Knights – NHL

Esporte muito popular nos Estados Unidos, o hóquei no gelo, que até já inspirou a modalidade “Hockey in Line” no Brasil, ganhou destaque na cidade de Las Vegas em 1991, ano em que a cidade sediou a primeira partida ao ar livre entre duas franquias da NHL — um amistoso de pré-temporada entre o New York Rangers e o Los Angeles Kings, do lado de fora do resort e cassino Caesars Palace.

Mas foi somente em 2017 que o Estado de Nevada viu uma equipe local estrear na NHL, o Vegas Golden Knights. Tudo começou com fortes rumores na imprensa estadunidense em 2014, que se concretizaram com a aprovação de construção da Arena T-Mobile — arena multiuso que hoje é a casa do Golden Knights. Até que, dois anos mais tarde, a oferta de expansão de Las Vegas foi aprovada por votação unânime pelo conselho da NHL.

Para a montagem da equipe, a franquia participou do Draft de Expansão da NHL 2017 em 21 de junho de 2017, com o direito de selecionar um jogador de cada uma das 30 equipes da NHL. O técnico escolhido para conduzir o Golden Knights na temporada 2017-2018 foi Gerard Gallant, que logo na temporada de estreia da equipe na NHL conseguiu o incrível feito de levar o time para a Stanley Cup — final da liga.

A chegada do Golden Knights na decisão da Stanley Cup logo em seu primeiro ano na NHL foi uma das maiores surpresas da história das grandes ligas americanas. No entanto, a equipe do Estado de Nevada foi superada pelo Washington Capitals na final, por quatro jogos a um.

Após a histórica final na temporada 2017-2018, o Golden Knights voltou a fazer uma boa campanha na temporada seguinte e se classificou aos playoffs, mas acabou caindo para o San Jose Sharks em sete jogos.

O fato é que a franquia em Las Vegas está sendo um sucesso de popularidade. Para se ter uma ideia, todos os jogos do Golden Knights na Arena T-Mobile tiveram lotação máxima na temporada passada, uma média de 18.319 fãs por jogo.

Las Vegas Raiders - NFL

Neste ano, teremos pela primeira vez na história uma equipe da NFL (National Football League) com sede em Las Vegas. Se trata do Las Vegas Raiders, antigo Oakland Raiders — time fundado em 1960, que tinha sede em Oakland, na Califórnia.

A realocação da franquia foi aprovada em 2017, quando os proprietários de equipes na NFL votaram em maioria (somente o Miami Dolphins vetou) a favor da mudança dos Raiders para Las Vegas. A mudança vem na esteira do antigo estádio dos Raiders em Oakland, o Coliseu, ser um dos mais defasados da NFL – com estrutura precária a ponto de sofrer comparações com estádios antigos da América Latina.

A mudança para Las Vegas, para além dos benefícios do novo mercado consumidor, se deu também em meio à necessidade de construir uma nova arena. Com forte apoio do Bank of America e da prefeitura, a franquia conseguiu reunir parte dos fundos necessários para começar a construir o Allegiant Stadium, arena com capacidade para 65 mil pessoas — está instalada a poucos minutos de Las Vegas Strip.

“O Allegiant Stadium está em fase final de construção” -  Photo by Flickr

 

O Allegiant Stadium está em processo final de construção. Além disso, ele terá uma grande tocha impressa 3D para homenagear para Al Davis (1929-2011), nome que é muito importante na história dos Raiders. Davis atuou como gerente geral e proprietário dos Raiders durante 39 anos, de 1972 a 2011.

A estreia dos Las Vegas Raiders em uma partida oficial de NFL está programada para acontecer no dia 13 de setembro, contra o Carolina Panthers e na casa dos rivais. Antes da estreia oficial, o time de Nevada, que será treinado por Jon Gruden, jogará quatro partidas de pré-temporada.

Las Vegas Aces – WNBA 

Time profissional de basquete da WNBA (Women's National Basketball Association), principal liga de basquete feminino do mundo, o Las Vegas Aces está instalado em Paradise, Nevada — adjacente à cidade de Las Vegas.

“Tamera Young (foto), jogadora do Las Vegas Aces” -  Photo by Wikimedia

Antes de se mudar para os arredores de Las Vegas, em 2017, a franquia ficou durante 15 anos em San Antonio, no Texas. Desde então, a casa dos Aces é o Mandalay Bay Events Center, uma arena com capacidade para 12 mil pessoas.

Além disso, o Mandalay Bay Events Center, que está localizado no Mandalay Bay Resort and Casino, também abriga uma grande variedade de entretenimento em Las Vegas Strip. Todo o complexo Mandalay Bay exemplifica, de certa maneira, como Las Vegas está enraizada na cultura estadunidense de diversas maneiras, como nos cassinos e na indústria da música, por exemplo.

Na temporada passada, os Aces conseguiram ir muito bem na WNBA. Além de ter se classificado em 4º na Conferência Oeste, com um aproveitamento de 62% de vitórias, a equipe treinada pelo ex-jogador Bill Laimbeer chegou à semifinal da WNBA, perdendo para as campeãs do Washington Mystics.

Portas abertas para receber novas franquias

Com três grandes franquias do esporte estadunidense instaladas em Las Vegas, a cidade já mostrou que possui estrutura adequada abrigar o esporte de grandes mercados e tem público suficiente para consumir diferentes modalidades.

Sendo assim, não será surpresa alguma se novas franquias de grandes ligas do esporte americano se instalarem em Las Vegas nos próximos anos. A MLB (beisebol) e a NBA (basquete) contam com 30 franquias cada, ainda tendo espaço tranquilamente para mais duas nos próximos anos – podendo contar com oito divisões de quatro times como a NFL, que tem 32.

AO VIVO