Menu
Busca quinta, 22 de outubro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
36ºmax
24ºmin
SE LIGA!

Mais de 10 mil pessoas ainda precisam vacinar contra a gripe em Araguaína

16 julho 2020 - 17h29

Apesar do fim da campanha nacional de vacinação contra gripe, a Secretaria Municipal da Saúde continua disponibilizando as doses da vacina em 15 unidades básicas de saúde (UBS) de Araguaína. As vacinas são para o público-alvo da campanha que menos procurou as unidades para imunização: crianças de seis meses a menores de um ano, gestantes, puérperas e pessoas entre 55 a 59 anos. Esse grupo deve buscar a UBS mais próxima de onde mora para receber a dose de proteção.

“Nós seguimos com a vacinação para garantir mais saúde a nossa população, por isso reforçamos que as pessoas que fazem parte do público que ainda não cumpriu a meta de vacinados, procure uma unidade de saúde e faça sua parte”, disse a coordenadora municipal de Imunização, Samila Braga.

Drive-thru

Nessa quarta-feira, 15, a nova vacinação drive-thru no Parque de Exposições de Araguaína imunizou mais de 80 pessoas do público-alvo.

A Lilian Fonseca aproveitou a ação e atualizou a dose de proteção dela. “Muito mais seguro vacinar no estilo drive-thru, confesso que ainda não tinha ido à unidade de saúde com receio da quantidade de pessoas e o fato do coronavírus está por aí, mas com essa oportunidade, aproveitei e agora estou imunizada”, destacou a advogada.

O mesmo fez a mãe da Yasmin Lima dos Santos, de 5 anos, que aproveitou a ação para vacinar a menina. “Muito mais tranquilo trazer minha filha aqui, foi bem rápido e muito mais seguro, graças a Deus ela agora está protegida”, disse a mãe, Júlia Leite dos Santos.

Essa foi a segunda ação de atendimento dentro de veículos. Em abril, a vacinação nesse estilo foi para idosos e profissionais da saúde, quando 640 pessoas foram vacinadas.

 Atualização dos dados

Segundo os números atualizados da Secretaria da Saúde do Município, 38.944 pessoas de todos os grupos da campanha foram vacinadas. Idosos e profissionais de saúde foram os que mais procuraram a vacina, resultando em mais de 100% da meta de imunização.

Por outro lado, outros grupos prioritários alcançaram menos de 50% da meta de vacinação, como o de crianças de seis meses a menores de seis anos, as mulheres no pós-parto até 45 dias, que teve uma procura em torno de 41%.  Mais de 10 mil doses contra influenza estão disponíveis nas 15 unidades básicas de saúde da cidade, que continuarão atendendo os grupos prioritários para alcançar a meta de 90% de cobertura vacinal.

Importância da vacina

Em tempos de crise pandêmica, como atualmente com a covid-19, a vacinação contra a gripe não só diminui a incidência de casos de influenza, como também facilita no diagnóstico preciso para o coronavírus.

Além disso, segundo o Ministério da Saúde, a vacinação pode reduzir entre 32% a 45% o número de hospitalizações por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por complicações da influenza.

AO VIVO