Menu
Busca sexta, 10 de julho de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
34ºmax
19ºmin
LUTO!

Morreu nesta madrugada Kibb Barreto, pioneira da comunicação no Tocantins

31 maio 2020 - 10h25Por Redação

Morreu na madrugada deste domingo (31), a jornalista e colunista social, Kibb Barreto (53 anos), que apesar de ser goiana, radicou-se no Tocantins, onde vivia há mais de 30 anos, se destacando como uma das profissionais pioneiras do Estado. 

Kibb já atuou como vice-presidente da Rede Pública de Televisão do Tocantins, a Rede Sat, na gestão do então governador, Marcelo Miranda, e também integrava a Federação Brasileira de Colunistas Sociais (Febracos), além de ser militante ativa do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Tocantins (Sindjor).

Segundo informações preliminares, Kibb estava há mais de 2 meses internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Geral de Palmas (HGP), onde lutava contra um câncer e não resistiu. 

Em uma de suas últimas postagens publicada em seu perfil no Instagram, Kibb Barreto descreve em um texto emocionante, o amor que sentia pelo Tocantins em especial por Palmas, onde escolheu viver há mais de 30 anos. "...mesmo que depositasse todos os meus esforços eu nunca conseguiria retratar o meu amor por tudo isso".

A publicação foi feita após uma homenagem especial recebida por ela em maio do ano passado, através do presidente da Associação Industrial e Comercial de Palmas (Acipa), Joseph Madeira, como uma forma de reconhecimento dos "Ícones da Cultura" da capital.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Trinta anos depois... de quê? De sentir e viver. De viver momentos únicos que jamais viverei novamente nesta vida! De trocar minha terra natal, Goiânia, com mais quatro jovens sonhadores, por um sonho, que, na verdade, era mais do meu irmão/amigo, compadre Salomão, o qual eu agradeço. De ver o povoado Canela ser desapropriado para dar lugar a uma capital. De ver o chão deste lugar se transformar em um canteiro de obras que funcionava diuturnamente. De ver brotar do chão bruto as primeiras construções. De sentir as primeiras emoções ao ver tudo se materializando. De ver uma comunidade ser indenizada e trocar suas modas para dar lugar a um lago maravilhoso. De ser abençoada com a dádiva de ser mãe do meu primogênito, Lincoln Junior de Morais Filho, e de aqui poder criar ele o irmão Yuri Lucas... Hoje homens desta terra. De aqui ser agraciada com os amigos que aqui e daqui conquistei pelo mundo afora. De ter no peito orgulho da escolha mais certa da minha vida: viver aqui. De ter me abstido de todo conforto que os grandes centros deste país pudessem me oferecer na época. De ter sentido o suor que brotava na minha face e escorria pelo meu corpo mesmo sem sol durante as madrugadas dormindo. Da poeira fina e vermelha que se misturava com este suor. Das ventanias e tempestades que amedrontavam até os mais corajosos. Poderia eu continuar aqui descrevendo esses trinta anos aqui vividos. Talvez até fosse melhor escrever livros ou produzir filmes ou séries de tudo aqui vivido nesse tempo. Mas eu acredito que mesmo que depositasse todos os meus esforços eu nunca conseguiria retratar o meu amor por tudo isso. Ontem recebi, sob fortes emoções, uma homenagem de Ícones da Cultura - Palmas 30 Anos, promovida pela ACIPA. Meus sinceros agradecimentos ao presidente Joseph Madeira pela lembrança do meu nome e também por trazer como atração musical o cantor Paulinho Pedra Azul. Suas músicas foram e são as mais tocadas na minha casa nestes 30 anos... Agradeço também imensamente o renomado artista-plástico Costa Andrade pela criação da honraria desta I Mostra. Enfim, a todos que contribuíram direta e indiretamente para a escolha do meu nome: gratidão! Saibam que aqui eu aprendi

A post shared by Kibb Barreto (@kibarret) on May 30, 2019 at 12:41pm PDT

Inicialmente a família iria sepultar a jornalista em Palmas mas decidiram que o velório e enterro será realizado na sua terra natal, Goiânia (GO). Ela deixa dois filhos. 


Com muito pesar recebi, na manhã deste domingo, 31, a triste notícia do falecimento da jornalista Kibb Barreto, aos 53 anos.

Pioneira e atuante nas várias vertentes do jornalismo no Estado do Tocantins, Kibb Barreto, além de uma consolidada carreira, deixa um legado de luta por sua classe e o bem informar por meio de um jornalismo isento e fundamentado na liberdade de expressão e na verdade.

Nesse momento de profunda tristeza, peço ao nosso Deus eterno que, por meio de seu Espírito Santo, console os corações de seus dois filhos, demais familiares e inúmeros amigos e colegas que certamente sente com a partida prematura de Kibb Barreto.

Mauro Carlesse

Governador do Estado do Tocantins


Foi com profunda tristeza e pesar, que recebi a informação do falecimento da nossa querida amiga Schislene Souza Barreto, conhecida carinhosamente por todos, como Kibb Barreto, ocorrido na madrugada deste domingo, dia 31, no Hospital Geral de Palmas, em decorrência de um câncer na bexiga.

Pioneira em Palmas e militante ativa do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Tocantins (Sindjor) Kibb contribuiu muito para o desenvolvimento da nossa Capital, atuando na área de comunicação, sempre com obstinação, em importantes jornais da cidade, principalmente na área de colunismo social, que era sua grande paixão.

Companheira e amiga de grandes jornadas, tive o prazer de tê-la como colega de trabalho na Fundação Radiodifusão Educativa do Tocantins (Redesat) onde ela também ocupou o cargo de vice-presidente.   

Kibb era uma pessoa muito querida por todos, sempre muito alegre, amorosa, cheia de vida, ideais e sonhos para concretizar. Ela era aquele tipo de pessoa que sempre com sabedoria e prudência, estava disposta a te dar conselhos e orientações, sobre importantes decisões. Kibb se esquecia de si mesma, para prestar sua solidariedade e carinho aos amigos que necessitavam de ajuda.

Siga em paz, minha querida amiga, você descansou, e tenho certeza de que está agora no céu, olhando por todos nós.

Os meus mais sinceros sentimentos a toda família, amigos, em especial aos seus filhos Lincoln e Yuri, pela perda irreparável de sua mãe.

Valdemar Júnior

Deputado Estadual 


Nota de Pesar - Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Tocantins (Sindjor/TO)

Com imensa tristeza os jornalistas do Tocantins receberam a notícia do falecimento da querida Kibb Barreto, aos 53 anos, ocorrido neste domingo, 31 de maio de 2020.

Kibb era daquelas pessoas intensas, ela se doava com grandeza pelos amigos, principalmente se fosse jornalista. Amava reunir todos em torno das iguarias deliciosas que preparava e não media esforços pra ajudar a quem precisava.

Chegou a Palmas no início de tudo, se apaixonou por essa terra, e fez dela o cantinho mais que especial. Criou os filhos (Yuri e Lincoln) e laços de amizades, conquistou amigos inseparáveis.

Se foi num domingo ensolarado, assim como ela gostava, era luz por onde passava, conversava com todos, brincava com todos e não deixava passar nada a seus olhos atentos. Deixará saudades pela sua alegria, vontade de ajudar, determinação e carinho.

O Sindjor Tocantins teve nela uma apoiadora singular, principalmente nas duas últimas gestões, onde ela fazia questão de participar de tudo.

Neste momento de dor e luto nos solidarizamos como os filhos, familiares e amigos. Pedimos a Deus o entendimento da partida tão precoce e já sentindo muita falta da amiga Kibb Barreto.

Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Tocantins


Nota de Pesar - Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado de Tocantins

Com profundo pesar recebemos a notícia do falecimento da jornalista Kibb Barreto.

A jornalista faleceu, neste domingo, 31 de maio de 2020. Kibb Barreto tinha  53 anos e atuava fortemente no jornalismo do Tocantins.

Prestamos nossa solidariedade com toda a família e amigos neste momento de imensa dor.

 

Fabiano do Vale
Presidente da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado de Tocantins ( FACI
ET)


Nota de Pesar - Kibb Barreto

Com os corações entristecidos nos juntamos à classe jornalística tocantinense que está abalada com a partida da grande comunicadora Kibb Barreto, que faleceu neste domingo, 31 de maio.

Quem teve a oportunidade de conviver com a Kibb sabe que ela era sinônimo de alegria, boas risadas e amigos em volta de si, principalmente para apreciar as deliciosas comidas que gostava de preparar.

Kibb contribuiu com os seus serviços em algumas das nossas passagens frente ao Governo do Tocantins, oportunidade que pudemos conhecê-la mais de perto, e saber que além de uma boa jornalista, não tinha medo de falar o que pensava, de sugerir com ideias criativas e enfrentar as adversidades que apareciam pela frente, mas sempre de cabeça  erguida, e foi assim até o final.Kibb era sinônimo de resiliência.

Sempre de bom humor,  apreciava cada momento para viver intensamente e estar sempre feliz e fazer com que todos assim também o fossem.  São dessas memórias que a teremos para sempre em nossos corações...

Neste momento de perda incalculável, rogamos a Deus que ampare com todo o Seu amor os filhos Lincoln e Yure e demais familiares. Vocês já estão acolhidos em nossas orações, e podem sentir muito orgulho do que a mulher Kibb Barreto fez e foi para a comunicação tocantinense.

Descanse em paz, grande amiga. Você agora é mais uma estrelinha no céu. Com as nossas mais sinceras condolências e sentimentos,

Deputada Federal, Dulce Miranda e Marcelo Miranda


NOTA DE PESAR 

Foi com pesar que recebemos a notícia do falecimento da querida amiga, Jornalista Kibb Barreto, aos 53 anos. Pioneira e apaixonada pela comunicação e pelo Tocantins, ela nos deixou neste domingo, 31 de maio.

Neste momento tão doloroso rogamos a Deus para que dê forças aos familiares e amigos, especialmente aos seus filhos Linconl Filho e Yuri e aos sempre amigos jornalistas, para que todos e todas tenham como lenitivo a esperança da ressurreição.

”Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna - João 3:16”. 


Lázaro Botelho e Valderez Castelo Branco


NOTA DE PESAR

É com sentimento de tristeza, que a Agência Tocantinense de Saneamento (ATS) manifesta seu pesar pela morte da jornalista Kib Barreto, mãe do servidor da Agência, Yuri Lucas Barreto Fernandes. 

A ATS presta condolências e solidariedade neste momento tão difícil ao nosso servidor, sua família e amigos.

Antonio Davi Goveia Junior

Presidente

AO VIVO