Menu
Busca quarta, 08 de abril de 2020
(63) 99292-6165
Araguaína
31ºmax
23ºmin
BEM ESTAR

Unimed aponta os riscos no consumo do sal

02 maio 2011 - 19h03

Estudos mostram que entre as populações que consomem pouco sal, a pressão arterial não aumenta conforme a idade. Atualmente, o sal é consumido numa quantidade duas vezes maior do que o recomendado pelos médicos (4 a 6g). Preocupada com o bem estar da população a Unimed Palmas realizou no último sábado, dia 30, uma Campanha de Combate ao Sal e de Prevenção a Pressão Alta, no Shopping Capim Dourado. O evento foi um alerta pelo Dia de Combate a Hipertensão, marcado para o dia 26 de abril.

Durante o último sábado, 30, funcionários da Unimed Palmas e uma nutricionista orientavam os visitantes do shopping sobre os cuidados para se evitar e detectar a hipertensão e também distribuindo sementes de ervas que podem substituir o sal, tais como, manjericão, salsa, cebolinha e outras. Canteiros recheados dessas ervas também estiveram lá, para mostrar aos visitantes o quanto é fácil o cultivo.

A pressão alta é uma doença "democrática". Ataca homens e mulheres, brancos e negros, idosos e crianças, gordos e magros. A Hipertensão é muito comum, acomete uma em cada quatro pessoas adultas, chegando a mais de 50% após os 60 anos e está presente em 5% das crianças e adolescentes no Brasil. É responsável por 40% dos infartos, 80% dos derrames e 25% dos casos de insuficiência renal terminal. As graves conseqüências da pressão alta podem ser evitadas, desde que os hipertensos conheçam sua condição e mantenham-se em tratamento com adequado controle da pressão alta

Sal
O sal faz subir a pressão arterial porque aumenta o volume de sangue dentro das veias e artérias. Isso acontece devido a uma característica química do cloreto de sódio (o sal de cozinha): ele atrai as moléculas de água para si. Para manter o equilíbrio, o corpo acaba retendo mais água e essa absorção faz aumentar a quantidade de sangue circulando nos vasos. Isso eleva a pressão arterial da pessoa

Sintomas
Hipertensão arterial é doença traiçoeira, só provoca sintomas em fases muito avançadas ou quando a pressão arterial aumenta de forma abrupta e exagerada. Algumas pessoas, porém, podem apresentar sintomas, como dores de cabeça, no peito e tonturas.


Tratamento
A pessoa precisa praticar exercícios físicos, não exagerar no sal e na bebida alcoólica, não fumar, controlar o estresse e o peso.

 

AO VIVO