Menu
Busca quarta, 21 de outubro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
37ºmax
22ºmin
CORPO BOMBEIROS

Atendimento em Paraíso supera Araguaína e Gurupi

23 maio 2011 - 18h44

O 4º Pelotão do Corpo de Bombeiros de Paraíso do Tocantins, através do seu comandante 1º Ten. Cleber José Borges Sobrinho e da Assessoria de Comunicação por intermédio da SD. Olívia Coelho Bastos Sobrinho apresentou ao site www.surgiu.com.br um quadro estatístico bastante alarmante para a cidade de Paraíso do Tocantins.

O quadro traz um relato mês a mês dos atendimentos por esta corporação dos cinco primeiros meses do ano de 2011. Para o 1º Ten. Cleber Sobrinho, o número de atendimentos em Paraíso do Tocantins supera Araguaína e Gurupi, cidades bem maiores.

Com 157 ocorrências registradas nestes cinco meses, o que dá uma média de 31,4 por mês, preocupa o chefe da corporação, principalmente devido o contingente ainda ser pequeno bem com o número de viaturas para estes serviços.

Com a falta de um serviço de SAMU na cidade, toda e qualquer ocorrência está sendo atendida pelo Corpo de Bombeiros. Até que Paraíso do Tocantins tem uma unidade do SAMU, só que ela se encontra na garagem da Prefeitura há mais de um ano e sem previsão de ser colocada para o atendimento à população. Alguns falam em custos para seu funcionamento, outros alegam regulamentação. O certo é que só o Corpo de Bombeiros é insuficiente para atender a demanda e carece de respaldo.

Pelo excelente serviço prestado pela corporação do Corpo de Bombeiros de Paraíso do Tocantins faz-se um apelo às autoridades pertinentes pela sua ampliação do contingente policial e de viaturas, até porque o seu raio de ação não se prende somente à cidade de Paraíso do Tocantins. Dias atrás os Bombeiros de Paraíso atenderam a um acidente gravíssimo próximo a Dois Irmãos e outro entre Miranorte e Miracema do Tocantins, todos com vítimas presas às ferragens dos veículos.

Vários fatores têm contribuído para o aumento de ocorrências no trânsito em Paraíso do Tocantins. A falta de sinalização de trânsito, imprudência, visibilidade, bebida alcoólica e buracos nas ruas são as principais. O número excessivo de veículos nas ruas, principalmente motos e com excesso de velocidade, somando-se a imprudência de muitos motoqueiros é o que mantém Paraíso do Tocantins neste patamar.


Eis o quatro estatístico dos últimos cinco meses: Estatística de Acidentes de Trânsito atendidos pelo 4º Pelotão de Bombeiros Militar - Paraíso do Tocantins.


JANEIRO
22 Acidentes de Trânsito
01 Atropelamento
02 Capotamentos / Tombamentos
19 Colisões / Quedas

FEVEREIRO
29 Acidentes de Trânsito
04 Atropelamentos
01 Capotamento / Tombamento
24 Colisões / Quedas

MARÇO
34 Acidentes de Trânsito
01 Atropelamento
01 Capotamento / Tombamento
32 Colisões / Quedas

ABRIL
40 Acidentes de Trânsito
02 Atropelamentos
02 Capotamentos / Tombamentos
36 Colisões / Quedas

MAIO
32  Acidentes de Trânsito
04 Atropelamentos
03 Capotamentos / Tombamentos
25 Colisões / Quedas

(Ademir Rêgo/Surgiu)

 

AO VIVO