Menu
Busca domingo, 27 de setembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
37ºmax
22ºmin
PALMAS

Homem é mutilado e devorado pelos assassinos na praia do Buriti

23 agosto 2011 - 08h40

Quatro supostos amigos estavam acampados na praia e após a ingestão de grande quantidade de bebidas alcóolicas, deram início a uma tentativa de salvamento de uma mula, que estava amarrada dentro da água.

Essa ação e a suspeita de ciúmes de um deles, em relação a um segundo integrante de grupo, por este ter olhado para a sua mãe, deram início a uma grande discussão, que acabou com o assassinato de Diosmar Bastos Rodrigues, 25 anos.

Diosmar foi morto a facadas pelo elemento de nome Jacione, cujo sobrenome é desconhecido.

Após várias facadas, que culminaram com a morte de Diosmar, tiveram início os requintes de crueldade. Os assassinos mutilaram o cadáver decepando braço, perna e pênis.

O canibalismo aconteceu quando o elemento conhecido por Baiano Doidão arrancou o fígado do cadáver, assou e comeu “como tira gosto” informou uma testemunha. Baiano Doidão já cumpriu pena de 10 anos na Bahia, por homicídio.

Em seguida o cadáver mutilado foi ocultado por Jailton Jesus da Cruz, vulgo Dentinho, e só foi encontrado na tarde dessa segunda –feira, 22, num trabalho conjunto da Polícia Civil e da Polícia Militar, com informações de testemunhas.

Delegado Sandro Dias, do Plantão de Flagrante da Delegacia do 1º DP, comentou tratar-se de um fato inusitado no Tocantins, sem casos similares na história da polícia tocantinense.

A capital Palmas, passa por momentos de muita violência. No sábado também aconteceu o caso da mulher que foi amarrada e teve fogo ateado a seu corpo. (Do Portal Stylo)

AO VIVO