Menu
Busca segunda, 17 de fevereiro de 2020
(63) 99292-6165
Araguaína
30ºmax
23ºmin
SÃO SALVADOR

troca de cestas básicas por apoio ao PSD

15 setembro 2011 - 10h32

A criação do PSD continua gerando polêmica e manchetes nos principais jornais do Brasil. Na manhã desta quinta-feira, 15 de setembro, a versão On line do Jornal O Estado de São Paulo – conhecido popularmente como Estadão – veiculou uma matéria denunciando que no município de São Salvador do Tocantins houve troca de cestas básicas por assinaturas de apoio à criação do partido.

Segundo a matéria, as assinaturas foram colhidas sem o consentimento dos eleitores durante a distribuição dos alimentos no município que fica a 420 km de Palmas. O processo, de acordo com a matéria, teria sido comandado pelo vereador Washington Milhomem (PR), conhecido como Pezão, durante o mês de maio.

A reportagem diz ainda que procurou oito pessoas que estão com nomes e assinaturas registradas e eles negaram terem apoiado a criação do partido. As pessoas falaram á equipe do Estadão que os documentos foram solicitados para realizar um cadastro de entrega de cestas básicas no futuro.
Para a equipe do Estadão, o disse que o partido não precisaria distribuir cesta básica para conseguir assinaturas. Ele afirmou ainda que o PSD defende a apuração do caso e a punição de eventuais culpados.

A senadora Kátia Abreu também falou com a imprensa e negou vinculação com o episódio. "Se alguém for culpado, que seja punido severamente. Não compactuamos com este tipo de ação, embora eu não acredite que isso tenha acontecido", disse. "É coisa de polícia se alguém comprou assinatura com cesta básica.", finalizou a senadora.

A matéria do Jornal O estado de São Paulo pode ser lida pelo link (Fernanda Cappellesso)

AO VIVO