Menu
Busca domingo, 09 de agosto de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
35ºmax
19ºmin
LUZINÓPOLIS

Vice-prefeito decide assumir Prefeitura

06 outubro 2011 - 19h23

O promotor de justiça Kaleb Melo informou em entrevista ao Conexão Tocantins que conseguiu acalmar os ânimos dos manifestantes em Luzinópolis no final da manhã desta quinta-feira, 6. “Realmente os ânimos estavam muito exaltados mas conversei com o pessoal e diante da situação o vice-prefeito resolveu assumir o cargo”, informou o promotor.

Cerca de 100 manifestantes cercaram a sede da prefeitura impedindo que o presidente da Câmara, Antônio Alves de Araújo (PR) que foi empossado no cargo na terça-feira, 4, entrasse no Paço municipal.

Segundo o promotor, o vice-prefeito do município, José de Arimateia (PT) que chegou a ser empossado no cargo, não assumiu por alegar necessidade de fazer um tratamento de saúde. “Ele vai fazer o tratamento depois e assumirá o cargo”, conta o promotor.

Interferência política
Segundo vereadores ouvidos pelo Conexão Tocantins na manhã de hoje, a manifestação foi organizada pela prefeita afastada com o intuito de não permitir que um aliado da oposição assuma o cargo. No entanto, manifestantes alegam que o intuito maior foi não aceitar que o presidente da Câmara administrasse a cidade pelo fato de não ter sido eleito.

Entenda
A prefeita do município, Carla Cristina (PSDB) foi afastada na semana passada pelos vereadores por 7 votos a favor e dois contra. Depois de resistência para deixar o cargo a gestora aceitou se afastar da prefeitura para que a Câmara apure através de CPI possíveis atos de improbidade administrativa. (Conexão Tocantins)

AO VIVO