Menu
Busca quarta, 02 de dezembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
34ºmax
23ºmin
ARAGUACEMA

Suspeitas que prefeito seja mandante de atentado

28 outubro 2011 - 18h55

O pré-candidato a prefeito de Araguacema, Antônio Araújo Costa Filho, conhecido como Toim do PT, baleado com seis tiros à queima roupa, nesta quarta, 25, quando chegava em sua casa na 106 sul, falou ao Site Roberta Tum sobre o ocorrido e apontou como suspeito de ser mandante do atentado sofrido, o prefeito de Araguacema, João Paulo Ribeiro e dois de seus irmãos.

Ouvido o prefeito disse que está "estarrecido" com a suposição e que nunca teve nenhum tipo de desentendimento com o pré-candidato.

O pré-candidato a prefeito de Araguacema, Toim do PT, baleado nesta quarta, 27, já recebeu alta e passa bem.

“Eu suspeito do atual prefeito de Araguacema, João Paulo, e de seus irmãos João Castilho Ribeiro Fragoso e Messias Castilho Ribeiro Fragoso. Primeiro porque eu fiz denúncias sobre o prefeito por desvio de verbas da prefeitura que eram destinadas a construção do lixão e de duas escolas e depois. O prefeito fraudou licitação”, acusa.

Segundo Toim, após ter denunciado a suposta fraude, sua cunhada teria ouvido, durante jantar na casa de Fragoso a seguinte afirmação. “Meu irmão (Paulinho) está sendo perseguido e eu vou tomar as dores dele”, contou Toim.

O pré-candidato ainda informou que outro fato o levou a chegar aos suspeitos. Segundo ele, sua irmã estava em uma lan house em Goiânia, quando o irmão de João Paulo, Messias Fragoso, chegou acompanhado de dois rapazes a procura de sua foto na internet. “Diante de todos esses acontecimentos não tenho dúvida de que os suspeitos que encomendarem o crime são o prefeito Paulinho e seus irmãos”, concluiu.

Mesmo com o ocorrido, Toim afirmou que continua como pré-candidato a prefeito de Araguacema. “Eu vou seguir na corrida, irei apenas tomar algumas medidas de precaução”, destacou.

Sem desentendimentos
O prefeito João Paulo contestou as afirmações do pré-candidato e afirmou que não há motivo para ele ser apontado como suspeito, já que, segundo ele, o único embate que teve com a vítima foi durante as eleições de 2008.

Paulinho ainda ressaltou que está “estarrecido’ com a suspeita. “Meus irmãos moram em Goiás e ao contrário de Toim que vive a disposição de gabinete de parlamentares, são homens trabalhadores”, relatou.

Desvio de verbas
Sobre o suposto de verbas o prefeito afirmou que desconhece qualquer denúncia contra ele e solicitou que o pré-candidato revele onde foi protocolada para que possa tomar conhecimento. “O que Toim quer é encobrir os seus malfeitos mirando as eleições do ano que vem. Eu sou filho de Araguacema e minha sua postura e convivência com a sociedade sempre foi pautada pelo respeito. Sempre tive uma convivência pacífica com todos, o que é bem diferente da de Toim”, finalizou.

Depoimento
De acordo com Toim, ele vai prestar depoimento à polícia neste sábado, 29, em sua residência, por ainda está debilitado. Conforme o delegado de Homicídios, João Sérgio, falou ao Site RT a polícia está em busca de informações sobre o caso.(Surgiu)

AO VIVO