Palmas
30º
Araguaína
34º
Gurupi
32º
Porto Nacional
30º
SAIBA MAIS!

Mais de 95 mil famílias tocantinenses podem usufruir de desconto na conta de luz

11 julho 2024 - 10h21

Atualmente, 96.548 famílias tocantinenses possuem direito a desconto na conta de luz através da Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE), mas ainda não usufruem do benefício. Palmas, Araguaína, Porto Nacional e Gurupi são cidades com maior potencial de público ao desconto. A TSEE é um programa criado e subsidiado pelo Governo Federal e realizado no Tocantins pela Energisa. No estado, 148.790 famílias já aderiram ao programa e usufruem do desconto de até 65% na conta de luz.

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

Têm direito à tarifa social as famílias com renda mensal igual ou inferior a meio salário-mínimo por pessoa. Para ser beneficiado, é preciso ter inscrição ativa no CadÚnico para Programas Sociais do Governo Federal e manter as informações atualizadas junto ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do município onde mora. Famílias que possuem membros com doenças que requerem o uso contínuo de aparelhos elétricos para tratamento também têm direito ao benefício, desde que comprovado e que a renda mensal seja de até três salários-mínimos.

Das mais de 96 mil famílias potenciais no Tocantins a usufruírem da Tarifa Social, 10 cidades concentram o maior número. Confira a lista das cidades com maior público potencial a receber o benefício:

Palmas: 11.351 famílias potenciais;
Araguaína: 5.239 famílias;
Porto Nacional: 2.271 famílias;
Gurupi: 1.767 famílias;
Goiatins: 1.499 famílias;
Colinas do Tocantins: 1.428 famílias;
Tocantinópolis: 1.414 famílias;
Taguatinga: 1.312 famílias;
Araguatins: 1.149 famílias;
Paranã: 1.034 famílias.

De acordo com a coordenadora comercial da Energisa, Andréa Albernaz, a atualização cadastral junto ao CRAS é fundamental para adquirir o benefício. “O cliente precisa manter atualizado seu cadastro e informações no CadÚnico. Essa atualização precisa ser feita a cada 2 anos para garantir o acesso aos programas sociais”, comenta. Segundo Albernaz, essa atualização pode ser realizada diretamente nos CRAS de cada município.

A Coordenadora explica ainda, que a atualização na Energisa é realizada automaticamente através da base enviada pelo Governo. “Mensalmente a Energisa realiza o cruzamento dos dados com as informações repassadas pelo Governo Federal para identificar clientes que preencham os critérios e tenham direito à Tarifa Social. Porém, após atualizar o cadastro, o cliente pode entrar em contato com a Energisa por meio dos nossos canais de atendimento para o repasse das informações atualizadas de forma imediata”, reforça.

Descontos

O percentual de desconto varia de acordo com a faixa de consumo do beneficiado, podendo chegar até 65% de desconto para clientes classificados como baixa renda e até 100% de desconto para indígenas e quilombolas. Confira:

- Consumo de até 30 kWh mensais: desconto de 65%

- Consumo de 31 kWh a 100 kWh: desconto de 40%

- Consumo de 101 kWh a 220 kWh: desconto de 10%

- Consumo a partir de 221 kWh: o cliente não recebe desconto

Para os clientes quilombolas e indígenas, o cálculo é diferente:

- Consumo de até 50 kWh mensais: desconto de 100%

- Consumo de 51 kWh a 100 kWh: desconto de 40%

- Consumo de 101 kWh a 220 kWh: desconto de 10%

- Consumo a partir de 221 kWh: não há desconto

Canais de Atendimento

Aplicativo Energisa On (disponível para iOS e Android) 

Assistente virtual Gisa (WhatsApp) - www.gisa.energisa.com.br 

Call center - 0800 721 3330 

 www.energisa.com.br  

 Facebook.com/energisa 

 Twitter.com/energisa

*Ascom