Palmas
22º
Araguaína
21º
Gurupi
20º
Porto Nacional
22º
NA CAPITAL

Pacientes são remanejados após piolhos de pombo 'infestarem' leitos infantis em hospital

20 junho 2024 - 11h20

Piolhos de pombos foram encontrados em leitos da ala pediátrica do Hospital Geral de Palmas e os pacientes tiveram que ser remanejados para outros setores. A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES).

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

O caso aconteceu no sábado (15) e segundo a pasta, o setor passou por dedetização para retirada dos parasitas.

Assim que houve a ação de limpeza, os leitos votaram a ser utilizados e os conforme ressaltou a SES, "todos os pacientes continuaram recebendo total assistência".

Esta não é a primeira vez que a unidade tem problemas em consequência da presença de pombos. Em agosto de 2019, pacientes viram pelo menos duas aves próximas de um laboratório.

Na época, o biólogo Anderson Brito explicou que a proximidade com as aves é perigosa e que elas podem transmitir doenças através de bactérias e fungos.

A Secretaria da Saúde afirmou que todas as unidades sob sua gestão são dedetizadas regularmente e que a situação com os piolhos de pombo é atípica. A SES afirma que quando pacientes descartam restos de comida em local inadequado, podem atrair os pombos.

Por isso, as equipes do hospital orientam pacientes e visitantes quanto ao risco de alimentar esses animais.

*G1 Tocantins