Menu
Busca segunda, 25 de maio de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
33ºmax
22ºmin
PREVENÇÃO

Prefeitura alerta sobre riscos do uso de capacete compartilhado

20 abril 2020 - 18h04

A Prefeitura de Araguaína, por meio da Agência de Segurança, Transporte e Trânsito (ASTT), adotou nova medida de segurança contra a covid-19. A partir desta segunda-feira, 20, a orientação é de que os motociclistas evitem o transporte do capacete a mais ao transitar pelas ruas da cidade, conforme portaria publicada no Diário Oficial do último dia 13.

Além de uma atitude preventiva, a determinação pretende evitar o transporte regular ou irregular de passageiros para que se cumpra a suspensão do serviço de transporte de pessoas por mototáxi.

“Essa é uma medida temporária para que possamos evitar o contágio do coronavírus. No caso dos usuários de motocicletas, que precisam transportar seus familiares, recomendamos que cada pessoa da família adote seu próprio capacete e realize a higienização necessária”, explicou o diretor da ASTT, Fábio Astolfi.

Riscos do capacete compartilhado

O uso compartilhado do capacete pelos usuários de motocicletas é um grave fator de risco para a disseminação da covid-19, segundo o que aponta os especialistas em saúde. De acordo com a médica infectologista, Carina Amaral Feriani, a recomendação é o uso individual do objeto.

“Existe um grande risco de contaminação pelo compartilhamento do capacete, já que, por meio da respiração, em caso de uma pessoa contaminada, o vírus permanece ali presente no interior do objeto, sendo facilmente transferido para outra pessoa, por isso a orientação é não compartilhar”, explicou a médica.

Ainda segundo a infectologista, outra situação que pode ser responsável pela transmissão do vírus é o contato entre o passageiro e o condutor da motocicleta. “Além do capacete dividido entre pessoas, temos outra situação de risco que envolve os motociclistas, que é a questão do distanciamento entre os ocupantes da moto. Não existe a possibilidade de se ter o distanciamento mínimo exigido que é de dois metros, o que deixa ainda em maior estado de atenção o uso desse meio de transporte”, explicou Carina.

Mas, como para muitas pessoas a motocicleta é o único meio de transporte a medica infectologista orienta que o transporte de passageiros seja realizado somente entre pessoas do mesmo convívio familiar.

Higienização do capacete

Outra recomendação é quanto aos cuidados com a higienização do capacete individual, é fundamental que se realize a limpeza do objeto logo após o uso. “Manter o capacete limpo é essencial nesse período onde devemos evitar a propagação do coronavírus, portanto, após o uso, borrife água sanitária ou álcool 70% no interior do objeto e espere estar bem seco para utilizar novamente”, concluiu a médica.

AO VIVO