Menu
Busca quarta, 28 de outubro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
31ºmax
23ºmin
MEDIDA TEMPORÁRIA

Prefeitura anuncia a suspensão de boletins sobre situação da Covid em Araguaína

13 junho 2020 - 18h54

O Laboratório Central de Saúde Pública do Tocantins (Lacen) informou a Prefeitura de Araguaína, nessa sexta-feira, 12, que está desabastecido de insumos necessários para análise das amostras de pacientes suspeitos para covid-19. Com isso, a Prefeitura irá suspender temporariamente a divulgação de novos casos para evitar falsa sensação de segurança, já que sem essa análise o registro de crescimento da doença ficará comprometido.
 
A Secretaria Municipal de Saúde afirma que continua coletando amostras de swab diárias em pacientes atendidos nas unidades básicas de referência e pronto atendimento e ainda em domicilio. O material coletado será enviado para o Lacen, porém o resultado dos exames não tem data prevista.
 
Outra preocupação é que esse acúmulo de exames possa desencadear uma situação de explosão fictícia de novo casos, uma vez que sairão centenas em um período menor de tempo do que o habitual”, explicou a secretária municipal da Saúde, Ana Paula Abadia. Diariamente são enviadas cerca de 200 amostrar ao Lacen.
 
A Prefeitura de Araguaína está contribuindo na aquisição dos insumos para o Lacen e já comprou cinco mil kits de extração e outros materiais necessários para processamento das amostras. Também continua realizado o teste rápido em pacientes após o sétimo dia da manifestação dos sintomas.
 
Leitos exclusivos

A prefeitura também ressalta que enquanto o Município segue expandido o número de leitos exclusivos para tratamento de pessoas com covid-19 o Estado continua com a mesma quantidade. "O atraso na instalação de novos leitos no Hospital Regional de Araguaína (HRA) pode prejudicar o índice de ocupação dos leitos, que se chegar aos 80%, acarretará na suspensão do atendimento presencial do comércio novamente", afirma o município.
 
Neste sábado, 13, a parceria da Prefeitura de Araguaína com a empresa JBS Friboi, proporcionou a doação de 100 camas hospitalares que serão instaladas no Hospital Municipal de Campanha (HMC) e Hospital Eduardo Medrado (HMA). No HMC, as camas novas substituirão algumas das camas usadas atualmente e ainda ampliarão de 20 para 40 leitos.
 
Cinco desses leitos serão transformados em unidades de tratamento intensivo (UTI), com equipamentos já doados pelo senador Eduardo Gomes.
 
Nota do Lacen
Na nota, o Lacen também informou que irá priorizar pacientes suspeitos para covid-19 que estão hospitalizados, tanto na rede pública quanto privada, e os que morreram com sintomas da doença antes de realizar o exame.

AO VIVO