Menu
Busca quinta, 24 de outubro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
33ºmax
21ºmin
TOCANTINS

Produtores rurais podem responder criminalmente por construções de canais de irrigação

20 setembro 2019 - 09h15Por Agência Brasil

Em Lagoa da Confusão, município no sudoeste do Tocantins, produtores rurais podem responder criminalmente pela construção irregular de represas, barragens e canais de irrigação na bacia do rio Formoso.

No total, são quatro construções irregulares. Nos pedidos apresentados à justiça nesta semana, o Ministério Público do Estado afirma que as infrações se tratam de apropriação dos recursos hídricos do Rio Formoso, para fins de interesses econômicos e privados.

Em 2017, o MP já havia ajuizado uma ação cautelar que pedia a suspensão das atividades dos produtores, mas, até hoje, o processo está em tramitação.

De acordo com o superintendente da Associação dos Produtores Rurais do Sudoeste do Tocantins, Wagno Milhomem, as estruturas foram construídas com licenças expedidas pelo Naturatins, o órgão regulador do Estado. O produtor afirma que não há irregularidade.

Caso o pedido do Ministério Público do Tocantins seja acatado pela justiça, as licenças emitidas pelo Naturatins vão ser suspensas e os produtores vão ter de demolir as estruturas e indenizar possíveis danos causados ao meio ambiente.

AO VIVO