Menu
Busca segunda, 17 de fevereiro de 2020
(63) 99292-6165
Araguaína
30ºmax
23ºmin
"MÃO NA MASSA"

Detentos trabalham na manunteção da estrutura de cadeia pública

14 novembro 2019 - 09h49

Pensando em promover a ressocialização, por meio do trabalho, e manter o ambiente prisional em boas condições, a Casa de Prisão Provisória (CPP) de Paraíso com auxílio da mão de obra de reeducandos realiza manutenções na unidade regularmente. As obras são feitas de acordo com as necessidades do ambiente penal, atualmente, os apenados estão atuando no remanejamento do cartório e sala recepção.

Para a realização das manutenções, a gestão da unidade conta com o trabalho de cinco reeducandos, dois atuam na parte elétrica, dois como pedreiros e um como pintor, todos têm a remição de pena de um dia a cada três dias trabalhados, conforme a Lei de Execução Penal (LEP).

O diretor da Casa de Prisão Provisória de Paraíso, Lucas Estevão, explica que o envolvimento de reeducandos na realização de obras beneficia tanto a gestão da unidade como os apenados. “Por meio do trabalho dentro da unidade, os reeducandos adquirem experiência dentro da área que atuam e desenvolvem habilidades, facilitando a reinserção no mercado de trabalho. Além disso, também auxiliam a manter a boa estrutura do local”, ressaltou.

Para o reeducando A.N.C., que trabalha na área da construção civil dentro da unidade, o trabalho traz experiências essenciais para futuramente ter mais chances de conquistar um emprego. “Trabalhar nessa área me proporciona uma experiência e um aprendizado grande que poderei utilizar após finalizar o cumprimento da pena, além de ter a oportunidade de obter remição pelo trabalho”, relatou.

Obras finalizadas

As obras de reforma e construção desenvolvidas pelos reeducandos e gestão da unidade já geraram resultados como um espaço educacional, inaugurado em agosto desse ano, e um espaço de saúde, que aguarda aquisição de materiais para ser inaugurado. De acordo com o diretor da unidade, os recursos para construção são oriundos de parcerias firmadas com diferentes órgãos. “Para as reformas e a construção da unidade básica de saúde, utilizamos recursos oriundos de parceria entre município, estado e empresas de iniciativa privada de Paraíso”, explicou Lucas Estevão.

Próximas manutenções

Conforme a programação das atividades na unidade, a próxima melhoria a ser realizada será a construção de uma sala de audiência, a previsão é de que a obra tenha início ainda neste mês. Nela, serão utilizados recursos advindos de penas pecuniárias, por meio da Vara de Execuções Penais da Comarca de Paraíso.

AO VIVO