Menu
Busca domingo, 05 de abril de 2020
(63) 99292-6165
Araguaína
32ºmax
23ºmin
FÓRMULA 1

Galvão defende Massa e aconselha Hamilton a procurar psiquiatra

26 setembro 2011 - 09h44

O inglês Lewis Hamilton voltou a fazer lambança no GP de Cingapura de Fórmula 1 neste domingo. O piloto da McLaren tentou forçar uma ultrapassagem sobre Felipe Massa, da Ferrari, e acabou furando um dos pneus traseiro do brasileiro e quebrou o bico do próprio carro.

A trapalhada de Hamilton “irritou” Galvão Bueno, que defendeu Massa e aconselhou o campeão mundial: “Hoje o Hamilton é caso de psiquiatra”, opinou o narrador da TV Globo.

Para Galvão, a mudança no comando da carreira de Hamilton pode ser uma das explicações para a série de acidentes causados pelo piloto inglês, que nesta temporada já tinha se envolvido em uma batida com Massa em Mônaco, além de causar reclamações dos companheiros por acidentes na Hungria e na Bélgica.

Essa mistura de show business com piloto de Fórmula 1, não deu certo não para o Hamilton”, afirmou Galvão, lembrando que o inglês mudou de empresário e não é mais o pai que toma conta da sua carreira.

Porém, no final da corrida, quando Hamilton terminou em quinto lugar em Cingapura, mesmo com todas as trapalhadas, Galvão reconheceu o talento do piloto inglês: “Ele bate, toma punição, mas não desiste, está sempre lutando. É um piloto fantástico”.(Do Uol)

AO VIVO