Menu
Busca sexta, 04 de dezembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
34ºmax
23ºmin
Corrupção

Servidor é preso por cobrar propina para agilizar serviços a usuários do Detran

20 outubro 2020 - 09h52Por Redação

Um servidor do Estado foi preso em flagrante, nesta segunda-feira (19), por suspeita de corrupção passiva em Palmas.

O caso teria sido descoberto após um dos agentes do Departamento Estadual de Trânsito do Tocantins (Detran-TO) ter presenciado o momento em que um homem teria se recusado a pagar um valor adicional para ter seu processo agilizado. Ele reclamou dizendo que não pagaria nada a nenhum “malandro” para ter suas questões resolvidas no Detran.

O homem que fez a denúncia relatou que foi abordado pelo servidor, quando ainda estava na fila e lhe foi oferecido mais rapidez ao serviço que precisava, sob o pagamento de uma quantia de R$ 50,00. O denunciante contou também que o servidor teria dito que “seria mais em conta do que os despachantes cobram e que seria bem mais rápido também”.

O agente se aproximou e percebeu que outro homem do mesmo grupo pegou uma pasta de um terceiro sentado. Percebendo tratar-se de um servidor do Detran, o agente deu voz de prisão e efetuou a detenção dele, que não teve o nome divulgado. 

 O suspeito foi conduzido até uma delegacia e autuado por corrupção passiva. A Polícia Civil irá abrir um inquérito policial para investigar o caso. 

O que diz o Detran-TO

De acordo com o órgão, qualquer ato suspeito ou criminoso deve ser reportado à direção do órgão para que as devidas providências sejam tomadas e que os pagamentos indevidos são contra a conduta do Detran-TO.

A gestão afirmou que não compactua com tais práticas criminosas e tem o compromisso de seguir as normas e leis estabelecidas.

 

AO VIVO