Menu
Busca domingo, 13 de outubro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
34ºmax
22ºmin
CASO CURIOSO

Servidora pública é multada por dirigir a 710 km/h em rodovia

07 outubro 2019 - 10h00Por Com informações do G1

Uma motorista foi multada por trafegar com seu veículo a 710 km/h. A notificação ocorreu em outubro do ano passado, mas a multa no valor de R$ 134 só foi notada nesta semana.

A servidora pública, Lana Albuquerque, foi multada quando trafegava em uma rodovia do Distrito Federal e só notou a aferição irreal, apenas quando foi tentar regularizar a documentação de seu veículo.

A multa ainda traz a informação de que a velocidade máxima permitida na via era de 600 km/h, dez vezes mais do que o real permitido. Lana acredita ter havido algum erro no sistema com um acréscimo de um dígito “zero” a mais e não descarta que, realmente, estava acima da velocidade.

Caso o Hyundai Elantra da servidora pública realmente estivesse a 710 km/h, teria batido o recorde mundial, tomando o lugar do Venom F5, da norte-americana Hennessey. O “hiperesportivo” é equipado com motor V8 biturbo e pode chegar a 484 km/h.

Um Boeing voa a uma velocidade média de 900 km/h – a marca alcançada corresponde a 75% da velocidade do som.

Outro caso

Um outro caso em 2017, do analista Yuri Suares Gama (31 anos), que também levou um susto ao receber em sua residência uma notificação do DER.

O documento apontava que o motorista havia excedido em quase 100% a velocidade da DF-001, que liga o Gama ao Recanto das Emas. Ele trafegava a 790 km/h com seu Honda Fit, em vez dos “400 km/h permitidos”, de acordo consta na infração. Ele teve uma multa de R$ 840,41.

 

Ao Vivo