Menu
Busca quinta, 29 de outubro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
32ºmax
23ºmin
COLUNA

Opinião Formada

por Tony Veras
SAÚDE DO IDOSO

Academia grátis para idosos poderá se tornar realidade em Araguaína

27 abril 2011 - 08h13

Luidiniz Brito
Da Redação

 

O vereador Aldair da Costa, Gipão (PR), apresentará na próxima segunda-feira, 2 de maio, projeto à Câmara dos Vereadores, propondo academias grátis nas unidades de saúde da cidade e em entrevista exclusiva ao Portal O Norte.

Sobre o Projeto
Segundo o vereador, o texto do Projeto está em processo de elaboração, porque faltam alguns detalhes para viabilizá-lo mas destaca: “É provável que segunda ele já entre para as Comissões, que verão o lado jurídico, o lado da constitucionalidade do projeto”, disse o vereador.

Entre as justificativas para a efetivação do projeto está o fato de que muitos idosos realizam atividades físicas de maneira inadequada e em locais inapropriados.

O projeto visa, portanto, implantar em unidades de saúde de Araguaína, academias para os idosos onde os mesmos serão acompanhados por um educador físico, um fisioterapeuta e um psicólogo.

O vereador salienta que a oportunidade de realização de forma adequada das atividades físicas por parte dos idosos trará saúde e vitalidade a eles: “Acredito que além de melhorar a qualidade de vida, esta ação vai levantar o astral dos nossos idosos”, afirma.

Gipão explica que segundo prevê o projeto, o idoso que desejar frequentar a academia, deverá preencher um cadastro e além disso, a equipe médica da unidade também indicará pacientes que necessitarem de acompanhamento.

Custos
Questionado a respeito do custo para a implantação das academias,Gipão explica que ainda está realizando um levantamento minuncioso, mas adianta que o valor poderá chegar a R$ 70 mil reais por unidade de saúde.

Como idealizador da proposta e intentando apoio, o vereador Gipão tendo em vista os valores a serem investidos no projeto, sugere um caminho para ser adotado pela prefeitura de Araguaína: “Se o município não tiver condições de fazer em todas as unidades, que façam apenas em quatro. Com isso, mesmo não sendo o ideal, idosos de várias regiões da cidade seriam atendidos", pontua.

 

AO VIVO